COBERTURA ESPECIAL - Vant - Tecnologia

26 de Novembro, 2019 - 10:20 ( Brasília )

Startup paranaense utiliza drones para mapeamento das áreas atingidas pela tragédia em Mariana (MG)

Projeto de restauração das cidades que sofreram com o rompimento da barragem conta com soluções tecnológicas da Smart Sky Consulting

Já se passaram quatro anos desde o rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG), que causou danos irreparáveis para a população e para o meio ambiente. Com o objetivo de implementar projetos de restauração dos recursos impactados, a Smart Sky Consulting realizou o levantamento das àreas atingidas, a fim de viabilizar as obras de construção de quatro reservatórios de água, no distrito de Furquim.

Os reservatórios estão sendo feitos para substituir os poços de água nascente, que abastecem a população atualmente, além de suprir a falta de abastecimento nas épocas de seca. O distrito possui 1.125 habitantes e os reservatórios que serão explorados servirão para o abastecimento de até 2.000 pessoas.

Segundo a Fundação Renova, responsável pelo projeto de restauração, a obra acontecerá em duas etapas, sendo a primeira a realização do mapeamento das áreas e, em seguida a perfuração dos poços artesianos que distribuirão de forma mais eficaz a água para a cidade.  A segunda etapa consiste em um projeto que prevê o tratamento da água, troca das redes de distribuição, reservatórios e possíveis novas fontes de captação. A ação faz parte das medidas compensatórias definidas junto aos municípios atingidos pelo rompimento da barragem.

A Smart Sky Consulting está participou da primeira etapa do projeto, exclusivamente para o serviço de levantamento aéreo, realizando a captação de imagens das áreas onde serão construídos os poços. O mapeamento foi realizado com o auxílio de drones, além de tecnologias para captação de imagens topográficas, com marcações de pontos de controle.

O CEO da Smart Sky Consulting, Chase Olson, falou da importância em obter informações precisa sobre a área da possível construção, auxiliando nos projetos executivos. “Ficamos responsáveis pelo levantamento topográfico das áreas onde serão executadas as obras, a fim de entregar, com precisão, os pontos de controle, utilizados nos projetos da Fundação Renova”.

SUSTENTABILIDADE

A tecnologia da Smart Sky Consulting pode ser aplicada em diversos projetos sustentáveis, como no mapeamento, construção e monitoramento de parques solares e eólicos. O veículo aéreo não tripulado contribui para a redução de custos na implementação dessa alternativa.

Olson, explica como o desenvolvimento de outras tecnologias pode contribuir para que mais empresas adotem a energia limpa. “Os drones são capazes de reduzir o investimento na instalação e manutenção dos sistemas solares e eólico. Um dos principais pontos está relacionado com a redução dos custos na implantação e acompanhamento na construção do projeto, como também no pós-obra. A estimativa é que a redução possa chegar a 50%”, garante o CEO.

Atualmente, empresas nacionais estão utilizando essa tecnologia como opção. Um exemplo é a Quebec Engenharia, localizada em Belo Horizonte, que está iniciando o uso de drones na construção de pequenas centrais hidrelétricas (PCH) e usinas fotovoltaicas (UFC), com o objetivo de reduzir custos e prazos na implantação do empreendimento.

SMART SKY CONSULTING

Nascida em outubro de 2018, a Smart Sky Consulting é uma startup paranaense com sede em Curitiba, que oferece soluções de transformação digital, através da utilização de Drones para as áreas de Engenharia, Construção e Mineração. Idealizada pelo empresário Chase Dixon Olson, atualmente, a marca está avaliada em mais de 8 milhões de reais e é a única parceira da plataforma Site Scan da 3DR no Brasil, líder do mercado mundial.


VEJA MAIS