COBERTURA ESPECIAL - Israel - Aviação

04 de Dezembro, 2018 - 11:10 ( Brasília )

Taxiamento inteligente na Índia: KSU começa a operar os veículos TaxiBot da IAI em aeroportos indianos

TaxiBots devem reduzir em 85% custos de combustível e emissões de poluentes das companhias aéreas, melhorando também as operações ao redor dos portões de embarque

A KSU da Índia iniciou recentemente as operações do TaxiBot no Aeroporto Internacional de Delhi. O primeiro voo comercial usando o TaxiBot foi de uma aeronave SpiceJet e partiu de Delhi. O início das operações do TaxiBot ocorreu após as tratativas da KSU com seus maiores acionistas, incluindo o Diretório Geral de Aviação Civil DGCA), Aeroporto Internacional de Delhi e Controle de Tráfego Aéreo de Delhi.

Outras companhias aéreas indianas, entre as quais a Jet Airways e a Indigo Airlines, analisam a possibilidade de utilizar o TaxiBot em suas operações também. O sistema do TaxiBot proporciona mais eficiência e significativos benefícios econômicos e ecológicos, os quais darão suporte ao rápido crescimento do mercado de aviação indiano, que deve se tornar o terceiro maior mercado de aviação do mundo.

O TaxiBot, desenvolvido pela IAI e TLD, é um veículo semi-robótico que se conecta ao avião e é controlado pelo piloto para taxiar a aeronave da ponte de embarque do aeroporto (“manga”) até a pista, sem o uso dos motores principais do avião.



O reboque da aeronave pelo TaxiBot traz uma economia de 85% no combustível utilizado durante um taxiamento padrão e uma redução similar de 85% nos gases de efeito estufa emitidos pelos motores principais do avião. O taxiamento com o TaxiBot reduz, além disso, os níveis de ruído em 60% e os danos com objetos estranhos em 50%, pois estes não são sugados pelos motores inativos.

Um benefício adicional é o aumento de fluxo de aeronaves entrando e saindo da área do terminal. O governo indiano considera o TaxiBot um importante agente para minimizar o grave problema de poluição do ar em aeroportos, o qual tem se agravado com a contínua expansão do transporte aéreo.

Benjamin Cohen, vice-presidente da IAI e gerente geral da Divisão Lahav da IAI, comentou: “Este é um significativo marco no desenvolvimento do programa do TaxiBot. Nós nos orgulhamos de ter a oportunidade de trabalhar com a KSU para introduzir o TaxiBot no mercado indiano. Dado o aumento nos custos com combustível, acreditamos que o TaxiBot contribuirá para o desempenho das companhias aéreas e se mostrará efetivo na redução da poluição do ar e danos causados por objetos estranhos, além de melhorar o fluxo congestionado nos portões. O TaxiBot é mais um dos muitos outros produtos inseridos pela IAI no mercado indiano juntamente com vários parceiros locais de peso”.

Maya Kadosh, encarregada de Negócios da Embaixada de Israel na Índia, declarou: “Este é um grande momento de orgulho e glória para mim, representando o Governo de Israel e testemunhando esta grande iniciativa da Israel Aerospace Industries (IAI), KSU Aviation Private Limited e TLD, as quais introduziram com sucesso o TaxiBot no Aeroporto Internacional Indira Gandhi de Delhi. Este é mais um grande exemplo de êxito na parceria tecnológica entre a Índia e Israel. Estou orgulhosa da conquista dessa parceria estratégica, conforme definida por nossos primeiros ministros durante suas visitas recíprocas. Também tenho orgulho de representar as indústrias israelenses que contribuem para implementar essa estratégia em terra”.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Base Industrial Defesa

Base Industrial Defesa

Última atualização 13 DEZ, 12:50

MAIS LIDAS

Israel

5