COBERTURA ESPECIAL - Doutrina Militar - Terrestre

21 de Novembro, 2017 - 16:30 ( Brasília )

CMO conduz Exercício de Mobilização, sob um Batalhão de Infantaria Motorizado


Cuiabá (MT) – Cumprindo determinações do escalão superior, constante no Programa de Instrução Militar-PIM/2017 para o Comando Militar do Oeste (CMO), e da Port nº 065-COTER, de 24 de agosto de 2017, do Centro de Operações Terrestres, a 9ª Região Militar, por intermédio do 44º Batalhão de Infantaria Motorizado, “Batalhão Laguna”, realizou o Exercício de Mobilização da Reserva Mobilizável/2017, no período de 30 de outubro a 10 de novembro de 2017, nas cidades de Cuiabá e Rosário Oeste-MT.

O presente exercício teve como principais objetivos: criar uma mentalidade de mobilização, conscientizar os militares da reserva não remunerada sobre a importância da mobilização de pessoal, adestrar os integrantes do Sistema de Mobilização do Exército-SIMOBE, na área da 9ª RM, atualizar a doutrina do pessoal mobilizado e prepará-los para operações de defesa da Pátria.



Para a incorporação foi estabelecido o efetivo de 138 militares reservistas, inclusos 1º/2º Tenentes, 3º Sargentos e Cabos e Soldados, todos da disponibilidade do Batalhão. Para tanto, o Posto de Recrutamento e Mobilização 009-002 e a Seção Mobilizadora de Guarnição de Cuiabá, apoiados pelo efetivo do Batalhão, contataram cerca de 981 reservistas, entre cartas de contato e divulgação radiofônica local.

Atenderam à convocação 702 reservistas, dos quais 212 foram julgados “aptos” em inspeção de saúde. Para o exercício foram incorporados 102 reservistas, os quais receberam material de uso pessoal, fardamentos novos completos, camisetas camufladas e de Treinamento Físico Militar, e demais equipamentos (cinto, fivela, emblemas, etc).

Todos os reservistas foram remunerados conforme seu posto/graduação. O encerramento do exercício ocorreu no dia 10 de novembro, com a realização de uma formatura-geral e a presença de familiares dos integrantes da tropa a desfilar, os quais, orgulhosos, testemunharam o entusiasmo e a vibração em cada reservista, notadamente no entoar dos cânticos e durante o desfile em passo ordinário, numa demonstração civismo e satisfação do dever cumprido.