COBERTURA ESPECIAL - PM - Segurança

16 de Fevereiro, 2021 - 13:00 ( Brasília )

Como operar em ambientes de Baixa Luminosidade - sistematizando o uso de lanternas

Trabalho inédito sobre operação em ambiente com baixa luminosidade.

Nota DefesaNet

Dissertação “USO DE LANTERNAS: NECESSIDADE DE SISTEMATIZAÇÃO POR MEIO DA IMPLANTAÇÃO DE MANUAL”, apresentada no Centro de Altos Estudos de Segurança como parte dos requisitos para a aprovação no Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais pelo Cap PMESP Everaldo Zuliani.

O Editor


 
 

A íntegra da Dissertação em formato PDF está disponível abaixo. Apresentamos uma pequena introdução e uma sequência de táticas.
 
O presente trabalho tem como escopo a sistematização do uso de lanternas por meio da criação de um manual.

Sua justificativa reside na inexistência de uma fonte de consulta na Polícia Militar do Estado de São Paulo (PMESP) a respeito do assunto cuja essência é desconhecida por policiais militares que não sabem como atuar em ambientes ou locais de baixa luminosidade, aliada à utilização de equipamentos individuais de iluminação inadequados à atividade policial, ocasionado um aumento exponencial do potencial de risco a que se submete o efetivo policial-militar em determinadas modalidades de policiamento, durante a execução do serviço operacional.

Tais circunstâncias permeiam uma problemática, sendo relevante questionar se o integrante da quase bicentenária corporação, em qualquer nível hierárquico, durante o atendimento de ocorrências ou mesmo nas abordagens e averiguações, sabe fazer o correto uso de lanternas em locais ou ambientes em condições de baixa luminosidade?

As hipóteses baseiam-se nas seguintes afirmações:

a) a sistematização do ensino sobre como operar em locais ou ambientes de baixa luminosidade pode contribuir para a potencial redução de riscos à integridade física do policial militar durante a atuação;

b) o emprego de equipamentos adequados à atividade garante ao policial uma janela de tempo para agir pautado em técnica, traduzindo-se em segurança ao operador.

Os objetivos da pesquisa, que sustentam o levantamento de dados e informações, consistem em geral e específicos.

Objetivos gerais, entre vários listados:

a) apresentar um padrão de emprego de técnicas e táticas que mais se adequem ao policial na atuação em ambientes de baixa luminosidade, por meio de uma proposta de manual técnico, que consolide e padronize o ensino na PMESP com a descrição de técnicas e táticas mais adequadas ao patrulheiro, na fração em duplas.

e) analisar técnicas de emprego de lanternas em ambientes de baixa luminosidade;

Alguns tópicos analisados:

 



Emprego incorreto de técnica em ambiente confinado (policial apagou momentaneamente sua lanterna e foi surpreendido pelo agressor).
Foto Cap Zuliani PMESP





Teste de acuidade visual de policiais em área externa com potências variando de 500 a 1.000 lumens Foto Cap Zuliani PMESP

 

 Teste feito com diversos policiais para verificar na prática o efeito do deslumbramento (incômodo ocular), de grande importância pois um dos objetivos de emprego da lanterna policial é ganhar uma janela de tempo tirando momentaneamente do agressor o sentido da visão.  Foram usadas lanternas de 65 a 1000 lumens Foto Cap Zuliani PMESP

Técnica denominada "dominando o com luz" : utilizando de superioridade numérica e verbalização conjugada ao  emprego de lanternas, policiais obtém  a rendição de um agressor sem contato físico e sem uso de arma de fogo.
Foto Cap Zuliani PMESP



Os testes aplicados resultaram em dados significativos, demonstrando que a maioria dos policiais que os realizaram sentem-se seguros ao utilizarem lanternas potentes, com funções simples e práticas para o uso, dispositivos necessários para a ação de contenção de pessoas e eventuais disparos de arma de fogo. Ademais, o acionamento da lanterna em ambientes confinados deve ser constante e com quantidade máxima e mínima de lumens que não comprometa a visualização do operador e a visualização de pessoas e objetos, respectivamente.











 

Matéria Relacionada

Invictus lança lanterna Draco Pro 1000 lúmens

O produto é a nova opção e com a maior capacidade luminosa da marca e foi especialmente desenvolvida para uso profissional, em operações de baixa ou restrita luminosidade


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Intel

Intel

Última atualização 31 JUL, 15:00

MAIS LIDAS

PM