COBERTURA ESPECIAL - Intel - Inteligência

04 de Novembro, 2021 - 00:30 ( Brasília )

CCAI - Comissão de Controle de Inteligência define emendas ao Orçamento nesta quinta


Fonte: Agência Senado


A Comissão Mista de Controle das Atividade de Inteligência (CCAI) faz uma reunião às 12h desta quinta-feira (4) para analisar e definir suas emendas ao Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) de 2022 (PLN 19/2021). A reunião foi aberta na véspera, mas por falta de quórum, foi transferida para a quinta pelo presidente, deputado Aécio Neves (PSDB-MG). Segundo ele, a CCAI tem 11 propostas de emenda em análise.

Este ano, cada comissão tem o direito de apresentar oito emendas, que devem ser obrigatoriamente destinadas à área de atuação de cada colegiado. A proposta enviada ao Legislativo pelo governo reservou R$ 16,2 bilhões para emendas individuais e de bancada, mas não especificou valores para as emendas de relator e das comissões permanentes, o que será feito ao longo da tramitação do PLOA.

As indicações das comissões serão analisadas pela Comissão Mista de Orçamento (CMO) do Congresso Nacional. O relator do PLOA de 2022 é o deputado Hugo Leal (PSD-RJ), que pretende publicar seu voto até 6 de dezembro.

Missão

A CCAI foi criada em 2013 pela Resolução 2 do Congresso Nacional e tem como missão fazer a fiscalização e o controle externos das atividades de inteligência e contrainteligência desenvolvidas no Brasil ou no exterior por órgãos e entidades da Administração Pública Federal, direta ou indireta, especialmente pelos componentes do Sistema Brasileiro de Inteligência (SISBIN)

O trabalho da comissão é assegurar que tais atividades sejam realizadas em conformidade com a Constituição e com as leis, em defesa dos direitos e garantias individuais e da sociedade.

A CCAI é formada de 12 integrantes, sendo seis senadores e seis deputados. O presidente é o deputado Aécio Neves (PSDB-MG). A vice-presidente é a senadora Kátia Abreu (PP-TO).


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Pandemic War

Pandemic War

Última atualização 18 JAN, 21:40

MAIS LIDAS

Intel