COBERTURA ESPECIAL - TOA - Inteligência

15 de Junho, 2021 - 20:10 ( Brasília )

Amazônia: Responsabilidade da defesa é do Continente


Amazônia: Responsabilidade da defesa é do Continente

 
Com o objetivo de enriquecer a visão de estadistas e o pensamento de estrategistas dos  participantes dos seminários permanentes Colombiana  FUNDACIÓN EXCELENCIA, LIDERAZGO Y TRANSFORMACIÓN, realizou, em 12 de junho de 2021, a discussão “Amazônia, Responsabilidade da Defesa é do Continente”, gerido desde o Rio de Janeiro (Brasil), pelo professor Lorenzo Carrasco Bazúa, autor do livro La Mafia Verde.

A exposição do escritor e analista Carrasco Bazúa teve como foco:

1. Há uma intenção geopolítica de uma ordem extracontinental contra a Amazônia, para a qual, há várias décadas, uma intenção negativista das etnias amazônicas tem trabalhado na evolução histórica dos povos do continente. Esta situação se alastrou, portanto a agressividade das etnias indígenas Cauca na Colômbia, pode estar associada a esse intuito geopolítico.

2. É um exercício coordenado, que visa destruir o património cultural associado à miscigenação.

3. Existe uma infraestrutura supranacional que manipula habilmente esses interesses.

4. A ONU controla algumas nações, mas as etnias indígenas existentes nos países constituem outras nações, o que dá mais poder aos infiltrados que buscam controlar os recursos incalculáveis ??que existem nas áreas de presença indígena.

5. A distorção da história está associada a interesses e tendências de esquerda como a Teologia da Libertação, da qual o ELN da Colômbia é um grande divulgador.




 


VEJA MAIS