COBERTURA ESPECIAL - TOA - Aviação

27 de Março, 2018 - 09:20 ( Brasília )

Aeronaves da FAB identificam avião com cocaína no Pará

Avião carregava mais de 300 kg de droga

Tenente Jussara Peccini


A Força Aérea Brasileira (FAB) detectou, nesta segunda-feira (26/03), um avião carregado com cerca de 330 kg de cocaína que entrou em espaço aéreo brasileiro e foi acompanhado até uma pista clandestina, a sudeste do município de Jacareacanga, no Pará. A droga estava no avião monomotor PP-HAR que foi classificado como tráfego aéreo desconhecido por não ter apresentado plano de voo.

A aeronave provavelmente veio da Bolívia. A ação faz parte da Operação Ostium para coibir ilícitos transfronteiriços, na qual atuam em conjunto a Força Aérea Brasileira, a Polícia Federal e órgãos de segurança pública. A aeronave foi monitorada e sua última posição conhecida pelos órgãos de defesa aérea foi próxima ao Rio Crepori, afluente do Tapajós.

Aeronave A-29 Super Tucano foi utilizada na identificação

Duas aeronaves de defesa aérea A-29 Super Tucano da FAB e um avião radar E-99 foram empregados para monitorar e efetuar a detecção do avião. Após a confirmação da localização da aeronave em uma pista clandestina, a equipe da Polícia Federal foi transportada em uma aeronave da Secretaria de Segurança Pública do Mato Grosso para efetuar a abordagem em solo.

Avião Radar E-99 da FAB participou da operação
 
Avião identificado transportando droga


Fotos: Agência Força Aérea / FAB

VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Dossiê EMBRAER

Dossiê EMBRAER

Última atualização 20 ABR, 12:10

MAIS LIDAS

TOA