12 de Agosto, 2014 - 14:15 ( Brasília )

Terrestre

Operação Guarani 2014 - Une Exércitos do Brasil e Argentina



 
Santiago (RS) - Operação Guarani é o nome dado ao Exercício de Operações Combinadas com participação de tropas dos Exércitos do Brasil e da Argentina. O exercício acontece até o próximo dia 21 de agosto. O treinamento visa a desenvolver formas de cooperação institucional e fortalecer os laços de amizade entre as forças terrestres dos dois países.
 
Este ano, a região escolhida é o entorno do município gaúcho de Rosário do Sul, mais especificamente no Campo de Instrução Barão de São Borja (Saicã) e áreas vizinhas. As manobras serão executadas por tropas da 1ª Brigada de Cavalaria Mecanizada e do 1º Batalhão de Aviação do Exército (Brasil) e da Brigada de Monte XII (Argentina).
 
O exercício simulará um quadro de guerra convencional, e envolverá uma força-tarefa valor Regimento, meios de apoio logístico e as equipes da figuração e da direção do exercício, totalizando um efetivo em torno de 1,2 mil militares e 320 viaturas dos dois países.
 
Além de aproximar os dois Exércitos, a Operação Guarani permitirá adestrar o trabalho de Estado-Maior Combinado, proporcionar o intercâmbio de experiências na confecção de planos e ordens, desenvolver a interoperabilidade entre elementos dos Exércitos dos dois países e desenvolver a doutrina de operações combinadas.
 
Em 2012, a Operação Guarani aconteceu em solo argentino, na região de Apostoles.

Fotos - O Comando da 1ª Brigada de Cavalaria Mecanizada recebeu no dia 11 de agosto de 2014, o Exmo Sr General-de-Exército Antônio Hamilton Martins Mourão, Comandante Militar do Sul, que realizou sua primeira visita oficial à Guarnição de Santiago.

O Gen Mourão foi recepcionado com honras militares no 9º Batalhão Logístico, onde presidiu uma formatura geral da tropa e, logo após, inspecionou a Força-Tarefa Guarani, que se prepara para o exercício combinado com tropas da 12ª Brigada de Infantaria do Exército Argentino, a ser realizado a partir do dia 15 de agosto.