COBERTURA ESPECIAL - Especial Espaço - Aviação

15 de Novembro, 2015 - 12:00 ( Brasília )

Foguete VS40M - Explode no Lançamento no CLA

Foguete explode antes de lançamento na base de Alcântara (MA)




Um foguete  explodiu instantes antes de ser lançado, na tarde de sexta-feira (13), no Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), no litoral do Maranhão. Apesar do prejuízo, não houve feridos. Não se sabe ainda o que causou o acidente.

O problema ocorreu no lançamento do foguete, às 14h20. Segundo o centro, a falha aconteceu durante a operação de lançamento do Satélite de Reentrada Atmosférica (SARA). "Houve uma falha do motor do veículo VS-40M no momento da ignição que causou a sua perda", disse o órgão, em nota.

Ainda segundo o centro, o foguete ainda estava na rampa de lançamento e não chegou a decolar. "Todos os procedimentos de segurança foram adotados e não houve riscos a nenhum dos profissionais envolvidos."

Junto com o satélite, também estava embarcado outro experimento, em fase de qualificação, desenvolvido pela UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte): um GPS de aplicação espacial. Não se sabe se o aparelho foi destruído.
Uma comissão será designada para investigar as causas do acidente.

Por conta da explosão, a área de lançamento está isolada. Desde o fim de outubro a base espacial vinha efetuando lançamentos de foguetes não tripulados como parte da Operação São Lourenço.

No último dia 30 de outubro, a equipe lançou o FTI (Foguete de Treinamento Intermediário) para treinar e avaliar os procedimentos do CLA para o lançamento do foguete suborbital VS-40M V03.

Na ocasião, o  coronel aviador Cláudio Olany Alencar de Oliveira disse que o lançamento ocorreu dentro do planejado.  "Foi altamente proveitoso e demonstrou que estamos prontos para realizar o lançamento do foguete suborbital VS-40M V03. Foi importante o teste com o dispositivo de teledestruição remota, utilizado pela primeira vez em um foguete de treinamento, como parte da preparação dos meios e do pessoal que atua na Operação São Lourenço", disse após a operação.

Operação São Lourenço

A Operação São Lourenço tem por objetivo realizar o lançamento e o rastreio do foguete orbital VS-40M V03, a partir do CLA, dentro da trajetória planejada, transportando a plataforma espacial SARA (Satélite de Reentrada Atmosférica), desenvolvida pelo IAE, a fim de testá-la em voo suborbital, portando um receptor GPS, em fase de qualificação, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), além de assegurar a aquisição de dados durante o voo para qualificação de sistemas do veículo e da carga-útil, o módulo de experimentos.

Antes do lançamento do VS-40M, foi realizado o lançamento de um Foguete de Treinamento Intermediário (FTI) para avaliar o apronto dos meios e procedimentos operacionais do CLA. A Operação São Lourenço é apoiada pela Agência Espacial Brasileira (AEB). Este lançamento ocorreu com êxito no dia 30 de Outubro.

Programa Espacial
 
A FAB tem como missão estabelecida na Estratégia Nacional de Defesa (END) o domínio da área espacial. As tentativas de retomada dos programas espaciais especialmente após a explosão do VLS, em agosto 2003, com o perda de 21 vidas levou a uma paralização de todos os esforços mais significativos.