03 de Setembro, 2013 - 11:27 ( Brasília )

Segurança

Mais grades de proteção para o Sete de Setembro

Desfile na Esplanada contará com 18 mil metros de estrutura de retenção, 4 mil a mais que em 2012. Medida é preventiva diante da expectativa de protestos marcados pelas redes sociais. Custo do evento vai superar em R$ 30 mil o do ano passado

Sheila Oliveira e Leandro Kleber 
 
As comemorações do Sete de Setembro na Esplanada dos Ministérios deverão atrair cerca de 50 mil pessoas no sábado. A festa custará R$ 829 mil aos cofres públicos, valor que supera em R$ 30 mil o de 2012, porém menor do que os de anos anteriores. Além das comemorações militares, o Eixo Monumental também deverá registrar protestos contra a corrupção e a impunidade, que estão sendo organizados nas redes sociais. 
 
Na última quinta-feira, o Correio mostrou que as manifestações dos últimos dois meses em várias cidades do país fizeram com que o Palácio do Planalto e o Ministério da Defesa mudassem o roteiro tradicional do desfile na capital federal. Uma das medidas adotadas foi reduzir o tempo da apresentação em cerca de uma hora para evitar maior exposição de autoridades políticas, principalmente da presidente Dilma Rousseff. 
 
Este ano, 18 mil metros lineares de grade de segurança de metal com 1,10m de altura serão instalados ao longo do Eixo Monumental. Nas edições passadas, o total gradeado não ultrapassou 14 mil metros. As alterações na programação são preventivas, diante de publicações nas redes sociais que convidam a população para protestar contra causas diversas. No mesmo dia do desfile, previsto para ocorrer pela manhã, a Seleção Brasileira enfrenta a Austrália no Estádio Mané Garricha, às 16h. Segundo integrantes do setor de segurança responsável pelos eventos, o momento cívico é mais preocupante do que a partida de futebol. 
 
Sem Esquadrilha 
 
Nessa edição, não haverá a tradicional apresentação da Esquadrilha da Fumaça devido à substituição dos aviões T 27 (Tucano) pelo A 29 (Super Tucano). Segundo a Secretaria de Comunicação da Presidência da República, os pilotos que integram o grupo de apresentação ainda estão em treinamento para operar a nova aeronave. 
 
O início do evento está previsto para as 8h15. Na tarde de ontem, 13 escolas do DF, sendo três particulares e 10 instituições públicas, fizeram o ensaio geral no Setor Militar Urbano. Cerca de mil estudantes treinaram por três horas a coreografia e a música que serão apresentadas no próximo sábado. “Estamos ajustando os últimos detalhes técnicos”, disse Adriana Corrêa, assessora de Eventos da Secretaria de Educação do DF. 
 
Diversas manifestações estão programadas para o Sete de Setembro. Mas, segundo o estudante de direito Pedro Souza de Alcântara, do grupo Pacifismo Ativo, não há consenso sobre o local de concentração dos manifestantes. “Estamos na fase de mobilizar as pessoas por meio das redes sociais. O intuito é percorrer a Esplanada a partir do Congresso Nacional”, adiantou. Em uma página de rede social, 14 mil pessoas confirmaram presença. Pedro informou que o número de manifestantes deverá ser repassado para a Polícia Militar do DF. “Não planejamos uma manifestação violenta”, ressalta. 
 
PREPARATIVOS 
 
Confira como estará a Esplanada dos Ministérios em 7 de Setembro: 
» O governo espera 50 mil pessoas no desfile 
» Gasto total com a organização do evento: R$ 829 mil 
» Cinco tribunas, com capacidade total para 1,1 mil pessoas sentadas 
» Arquibancadas para 22 mil pessoas com assentos de estrutura metálica 
» Tablados para pessoas com deficiência, que comportam 200 espectadores 
» Palanque de imprensa para 150 profissionais 
» 18 mil metros de grade de segurança de metal com 1,10m de altura