COBERTURA ESPECIAL - Especial MOUT - Segurança

06 de Fevereiro, 2012 - 09:25 ( Brasília )

BA: presidente pede desocupação da Assembleia por grevistas


O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Marcelo Nilo (PSDB), pediu ao general G. Dias, comandante das forças de segurança na Bahia, que o prédio público seja desocupado até a meia-noite deste domingo. A Casa é ocupada por policiais militares grevistas desde a última terça-feira. A Justiça já decretou a ilegalidade do movimento e expediu 12 mandados de prisão, um dos quais cumprido na madrugada de hoje.

O deputado disse que "os trabalhos legislativos precisam voltar à normalidade e que a Assembleia não pode ser usada como abrigo para foragidos da Justiça." Nilo falou ainda que o pedido partiu dele mesmo, e não do governador. Após ser comunicado, o general convocou uma reunião com outros integrantes que reforçam a segurança na Bahia para avaliar o pedido.

A paralisação dos PMs desencadeou uma onda de violência no Estado. Desde a última quarta-feira, a região metropolitana de Salvador já registrou mais de 80 homicídios, além de diversos roubos e assaltos, segundo a Secretaria de Segurança Pública baiana (SSP-BA). O tenente-coronel do Exército Márcio Cunha, responsável pela operação dos militares na Bahia durante a greve, disse neste domingo que a série de boatos sobre a violência que corre pelo Estado é um dos grandes problemas enfrentados pelas tropas.

"Um dos problemas maiores que estamos vivenciando é a grande onda de boatos, que já estão sendo combatidos com a presença das nossas tropas, além das polícias Militar e Civil, para devolver a sensação de segurança e tranquilidade à população", disse ele à Agência Brasil.

Blindados
Já circulavam nas ruas de Salvador, na tarde deste domingo, quatro veículos blindados que vieram de Recife. Para reforçar a segurança no Estado, mais 135 militares do Batalhão de Infantaria Paraquedista do Rio de Janeiro e 15 militares de Brasília chegaram à capital baiana às 15h de hoje.

Está previsto para hoje ainda o transporte de mais 150 homens do Exército Brasileiro de Recife para Salvador, com chegada prevista para 21h.

Segundo balanço do Comando-Geral de Operações Aéreas, com o reforço de 300 homens de hoje, a FAB terá transportado, no total, aproximadamente 1,5 mil militares e policiais, superando a expectativa inicial. Somando o contingente transportado por terra e ar, mais de 3 mil homens das Forças Armadas e Especiais vindos de várias partes do País já estarão na capital e em cidades do interior, no final do dia.



Outras coberturas especiais


Guerra Hibrida Brasil

Guerra Hibrida Brasil

Última atualização 22 OUT, 20:50

MAIS LIDAS

Especial MOUT