COBERTURA ESPECIAL - LAAD 2017 - Aviação

21 de Abril, 2017 - 11:00 ( Brasília )

III - Pérolas escondidas - Brasil FT-200FH



Pedro Paulo Rezende
Especial para DefesaNet


Brasília — Uma grande feira como a LAAD oferece uma carga enorme de informação. Em meio a centenas de estandes, pequenas maquetes se perdem, às vezes com conceitos extremamente interessantes e inovadores. Protótipos promissores e com poucos concorrentes no mercado deixam de chamar a atenção desviada por pavilhões de superpotências.

Apresentamos o Projeto do FT-200FH Concebido pela FT Sistemas, empresa brasileira pioneira no segmento de Aeronaves Remotamente Pilotadas (ARP).

BRASIL - ARP FT-200FH

Concebido para ampliar a capacidade de vigilância sobre o mar e nas fronteiras brasileiras, o FT-200FH apresenta características extremamente atrativas. Concebido pela FT Sistemas, empresa brasileira pioneira no segmento de Aeronaves Remotamente Pilotadas (ARP), o aparelho é mais leve, possui maior autonomia e tem a mesma carga útil de seu concorrente mais próximo, o CAMCOPTER 100 da empresa austríaca Schiebel.

O segredo para isto está na escolha do sistema de propulsão e sustentação. Em lugar de uma configuração tradicional, a equipe de projeto decidiu empregar um sistema de rotores contrarrotativos paralelos (intermesh) feitos em nylon. Criada durante a Segunda Guerra Mundial pela empresa alemã Flettner e desenvolvida pela Kaman norte-americana, a configuração permite uma maior capacidade de levantamento e mais estabilidade.



Momento de lançamento do FT-200FH na LAAD 2017 Foto - Claudio Xavier / DefesaNet

O custo de desenvolvimento, apoiado pelo Ministério da Defesa e pela Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), foi relativamente baixo, superior a R$ 9 milhões. O aparelho pode ser empregado em aplicações duais de defesa, segurança pública, agronegócio e vistoria de infraestrutura. O helicóptero não tripulado tem alcance de 100 quilômetros (limite do datalink, que pode ser ampliado para 200 quilômetros) e autonomia de mais de 10 horas de voo, podendo transportar até 50kg de carga útil. Seu peso é extremamente reduzido: 80 kg, menos da metade do CAMCOPTER 100, que possui menor permanência em voo que o concorrente brasileiro.

O potencial do FT-200FH em missões de vigilância marítima, a partir de barcos-patrulha de 500 toneladas, e de monitoramento de solo e de áreas de alto risco de segurança, como na proteção de fronteiras e de comunidades com alto índice de criminalidade.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Presidência da República

Presidência da República

Última atualização 26 JUN, 00:20

MAIS LIDAS

LAAD 2017