22 de Março, 2012 - 00:14 ( Brasília )

Defesa

Chefe do EMCFA recebe condecoração de honra francesa


O chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA), general-de-exército José Carlos de Nardi, recebeu a medalha e o título de comandante da Ordem Nacional da Legião de Honra, conferidos pelo governo da França. A cerimônia ocorreu na última semana, em Paris.

Instituída em 1802, por Napoleão Bonaparte, a Ordem constitui a mais alta condecoração francesa, sendo entregue a marechais, soldados, inválidos de guerra, cientistas, artistas e escritores com méritos destacados.

Atualmente, a medalha e o título são concedidos pelo grão-mestre da Ordem, o chefe de Estado da França, que costuma usar a faixa de grã-cruz – categoria máxima da condecoração – em algumas cerimônias do cargo presidencial.

Envio de instrutores

Na capital francesa, De Nardi foi recebido pelo comandante-em-chefe das Forças Armadas da França, almirante-de-esquadra Edouard Guillaud.

Em seguida, chefiou a delegação brasileira presente à XI Reunião entre o EMCFA e o Estado-Maior das Forças Armadas da França. Teve como interlocutor o subchefe de Relações Internacionais do órgão francês, almirante-de-esquadra Philippe Combes.

Durante o encontro, o Ministério da Defesa do Brasil foi convidado a enviar instrutores e monitores militares para as 15 Escolas Nacionais de Vocação Regional que a França mantém na África. São instituições de ensino e preparo militar que difundem conhecimento específico, abordando temas que abrangem desde desminagem e despoluição até missões de paz.

As duas delegações também trocaram opiniões sobre cooperação de defesa e de segurança. Por último, os franceses descreveram suas experiências durante a Operação Harmattan, que estabeleceu uma área de segurança aérea sobre a Líbia. Brasil e França possuem uma parceria estratégica firmada no início de 2008.