07 de Abril, 2012 - 10:46 ( Brasília )

Aviação

Acidente com F-18 nos EUA deixa prédio destruído e 7 feridos


O caça F/A-18 Hornet que colidiu com um prédio residencial em Virginia Beach, no Estado da Virginia, nesta sexta-feira passada, segundo confirmou a Marinha americana à rede de notícias local Wavy. Sete pessoas ficaram levemente feridas, incluindo os dois pilotos, que conseguiram se ejetar do avião.

O Pentágono informou que os pilotos tiveram tempo para ativar os sistemas de ejeção e sair do avião antes do choque. Os dois - um aluno e um instrutor de voo - e outras cinco pessoas foram atendidos em um hospital de Virgínia Beach, uma cidade turística no litoral do Atlântico a 320 km da capital dos Estados Unidos, Washington.

Ainda não estão claras as causas do acidente, mas uma das testemunhas, Amy Miller, afirmou que viu o avião voando baixo com fogo em uma das asas. Aparentemente o caça teve um falha mecânica depois do decolagem e começou a perder combustível antes de cair em uma área com vários edifícios, explicou o capitão da Marinha Mark Weisgerber.

O avião pertencia à base aérea de Oceana, onde treinam pilotos das Forças Armadas americanas. O acidente aconteceu às 12h05 locais (13h05 de Brasília) pouco depois de o F-18 ter decolado da base, informou a Marinha em comunicado no qual não deu mais detalhes sobre o incidente.

Pat Kavanaugh, um dos moradores cujos imóveis foram atingidos, contou à rede CNN que ele e vários vizinhos encontraram um dos pilotos ainda usando o paraquedas e o levaram a um lugar longe das chamas. Segundo Kavanaugh, o piloto pediu desculpas pelo caça ter se chocado contra seu edifício.

Outra testemunha disse à CNN que viu o avião voando baixo, com a frente para cima e a cauda para baixo, despejando combustível. "O fato dele não ter causado mais danos aos apartamentos é uma benção", disse George Pilkington.

"Havia chamas saindo da parte de trás da aeronave, do motor. Vi um piloto se ejetar", disse Jon Swain, que testemunhou o acidente, à televisão MSNBC. "Acho que havia dois, mas só vi um deles. Provavelmente cinco segundos mais tarde, a aeronave chocou-se contra o prédio. Tudo ficou em chamas. Algumas pessoas saíram correndo do prédio", acrescentou.

O porta-voz do Departamento de Bombeiros da Virgínia, Tim Riley, disse que há grandes danos em cinco edifícios, mas que ainda não foi possível determinar quantas pessoas estavam em casa no momento do acidente. De acordo com a porta-voz do Departamento de Polícia de Virginia Beach, Grazia Moyers, o acidente aconteceu por volta do 12h30 (13h30 no horário de Brasília).

 

Com informações da agência EFE