01 de Junho, 2011 - 09:29 ( Brasília )

Aviação

Irã culpa pilotos alemães por bloqueio a avião de Merkel


O bloqueio imposto ao avião oficial da chanceler alemã, Angela Merkel, antes de entrar no espaço aéreo iraniano se deveu a um suposto erro técnico dos pilotos alemães, afirmou o embaixador iraniano em Berlim, Alireza Sheikhattar.

Em declarações à televisão estatal iraniana em inglês PressTV, o diplomata negou que se tratasse de uma ação política e acusou a imprensa de magnificar "um fato normal" para criar divergências.

"Quando perguntei às autoridades de aviação, me disseram que o sinal que os pilotos costumam dar às torres de controle como código de entrada (no espaço aéreo) foi errado. Deram o sinal de saída e, por isso, não puderam entrar", explicou.

"Este tipo de incidente ocorre de vez em quando em muitos países", acrescentou Sheikhattar, citado nesta quarta-feira pelo site da PressTV.

O diplomata, que foi imediatamente convocado pelo Ministério das Relações Exteriores alemão para dar explicações, assinalou, além disso, que o incidente foi solucionado "em 20 minutos", versão que também sustenta o porta-voz da diplomacia iraniana, Ramin Mehmanparast.

Berlim, no entanto, assegura que a aeronave teve que dar voltas em círculo durante duas horas no espaço aéreo turco antes de ser autorizada a prosseguir sua viagem para a Índia.