12 de Junho, 2013 - 10:41 ( Brasília )

Aviação

Embraer utiliza feira em Paris para promover Super Tucano

Aeronave de ataque leve conquista novo espaço após assinatura de contrato nos Estados Unidos; feira é vitrine mundial

Pela primeira vez, o Super Tucano, aeronave de ataque leve e de treinamento militar da Embraer será exibido no Paris Air Show, uma das principais feiras mundiais de aviação, que começa na próxima segunda-feira, no aeroporto de Le Bourget, próximo a Paris, França.

A Embraer Defesa & e Segurança vai mostrar o Super Tucano pertencente à Força Aérea da Mauritânia em exposição estática no evento.

O Super Tucano é um dos principais produtos do portfólio da companhia e vem ganhando espaço no mercado internacional após a Força Aérea dos Estados Unidos ter comprado um lote de 20 Super Tucanos no valor de USD 427,5 milhões, que será utilizado no Afeganistão.

Também será divulgado na feira o cargueiro militar KC-390, em fase de desenvolvimento. O jato será a maior aeronave projetada e produzida pela companhia brasileira.

Comercial

Já a Embraer Aviação Comercial exibirá na exposição estática os jatos ERJ 135 e Embraer 190, este último nas cores da Air Astana, companhia área do Cazaquistão. A expectativa é que a companhia divulgue no evento novos contratos e lance a nova família de jatos para a aviação comercial, prevista para entrar em operação a partir de 2018. Essa nova família será uma versão modernizada dos E-Jets 170/190.

Coletiva

A empresa programou duas coletivas de imprensa na feira. A primeira será na segunda-feira, primeiro dia da feira, com a presença do presidente e CEO da Embraer S.A., Frederico Curado, e com o presidente da Embraer Aviação Comercial, Paulo Cesar Silva. No dia seguinte, a coletiva de imprensa será com o presidente da Embraer Defesa & Segurança, Luiz Carlos Aguiar. "A expectativa é que a empresa anuncie novos contratos e novidades sobre suas aeronaves", afirmou Expeditos Bastos, especialista em assuntos militares da Universidade Federal de Juiz de Fora. Ele ponderou que o Paris Air Show é uma "grande vitrine para ser visto".

"É uma feira importante onde as principais empresas do setor aeronáutico costumam apresentar novidades. Quem faz anúncios no evento, se destaca no mundo todo", disse o especialista. Também vão estar presentes na exposição 16 empresas de pequeno e médio porte do cluster aeroespacial de São José dos Campos, capitaneadas pelo Cecompi (Centro para Competitividade e Inovação do Cone Leste Paulista), no estande da Abimde.

Feira

Embraer vai expor, pela primeira vez, no Paris Air Show, o modelo do Super Tucano.

Abertura

A exposição mundial de aviação na França tem abertura programada para a próxima segunda-feira.

Jatos

A companhia também vai exibir um Embraer 190, nas cores da companhia Air Astana, do Casaquistão, e um modelo do ERJ 135.

Coletivas

A companhia programou duas coletivas de imprensa.

Cluster

Além da Embraer, 16 empresas do Cluster Aeroespacial de São José dos Campos e região vão participar do evento.

Estande

As empresas serão capitaneadas pelo Cecompi, que vai ocupar espaço no estande da Abimde (Associação Brasileira das Industrias de Defesa).

427 milhões de dólares - é o valor do contrato firmado pela Embraer para fornecer Super Tucanos para os Estados Unidos.

2 Coletivas de imprensa foram programadas pela Embraer, que pode fazer anúncios de novas vendas.