COBERTURA ESPECIAL - America Latina - Geopolítica

08 de Novembro, 2012 - 09:03 ( Brasília )

Encontro preliminar entre a Colômbia e as FARC


Representantes do governo colombiano e da guerrilha das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC) realizaram em 6 de novembro, em Havana, um encontro para “preparar formalmente” as conversações de paz que terão início no dia 15 de novembro, informou no dia 5 a agência cubana Prensa Latina.

A fonte explicou que “o encontro, que se realizaria anteriormente no dia 5 de novembro, segundo o combinado em 18 de outubro, em Oslo, capital da Noruega, foi adiado para o dia 6”, sem explicar os motivos do adiamento.

Nem a Embaixada da Colômbia nem a representação das FARC em Havana deram informações sobre a reunião.

O governo do presidente colombiano Juan Manuel Santos e as FARC instalaram formalmente a mesa de conversações em Oslo, mas as negociações do acordo de paz serão realizadas em Havana, a partir do dia 15 de novembro, com uma agenda de cinco pontos: tema agrário, garantias para a participação política, drogas ilícitas, abandono das armas e vítimas.

A delegação do governo para as negociações, que serão realizadas sem que seja decretado um cessar-fogo na região, é liderada pelo ex-vice-presidente colombiano Humberto de la Calle, enquanto Iván Márquez, o número dois das FARC, lidera a da guerrilha.

O processo de paz para pôr fim a um conflito armado interno que começou há meio século conta com Noruega e Cuba como garantidores, enquanto Venezuela e Chile atuarão como acompanhantes.