COBERTURA ESPECIAL - Venezuela - Defesa

02 de Setembro, 2021 - 08:30 ( Brasília )

Operação “Acolhida” tem novo comandante


Capitão-Tenente(RM2-T) Ana Carolina Freitas de Oliveira

Em cerimônia realizada na manhã dessa terça-feira (31), em Boa Vista (RR), o General de Divisão Sérgio Schwingel assumiu as funções de Comandante da Força-Tarefa Logística Humanitária (FTLogHum) - Operação “Acolhida” e de Secretário-Executivo de Coordenação de Ações de Assistência Emergencial, do General de Divisão Antônio Manoel de Barros.

A solenidade foi presidida pelo Chefe de Assuntos Estratégicos do Ministério da Defesa (MD), General de Exército Eduardo Antonio Fernandes, que, na ocasião, representou o Comandante do Exército, General de Exército Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, e o Chefe de Logística e Mobilização do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, Tenente-Brigadeiro do Ar Heraldo Luiz Rodrigues.

O evento, que ocorreu no Campus da Universidade Federal de Roraima, teve início com a inauguração da foto oficial do General Barros, seguida de homenagens prestadas ao ex-comandante da FTLogHum, que passa o cargo após um ano e sete meses.

Logo após, o Coral “Gideões”, formado por crianças venezuelanas, abriu a cerimônia de transferência de comando, com o canto do Hino Nacional. Em seu discurso de despedida, o General Barros falou sobre a importância da Força-Tarefa.

Felizmente, estamos em um bom caminho. Temos uma legislação inclusiva, umas das mais evoluídas do mundo, posição geoestratégica que sempre vai atrair as pessoas, e temos uma economia diversificada. Por outro lado, se não há acolhimento, os imigrantes ficam desamparados. Eu creio, como cidadão, que estamos no caminho certo”.

O ex-comandante da FTLogHum acrescentou que o enfrentamento à pandemia causada pela Covid-19 tornou o trabalho ainda mais desafiador. “Tivemos que lidar com duas crises: uma humanitária e uma sanitária. Contudo, conseguimos proteger a população e, hoje, todo venezuelano que ingressa no Brasil é testado. Durante a operação, já foram aplicadas mais de 330 mil doses de vacina, contra a Covid-19 e outras doenças. Além disso, nosso hospital de campanha atuou muito no apoio ao sistema de saúde do Estado e foi possível ceder nossos leitos para os roraimenses”.

A solenidade também marcou a transferência do General Barros para a reserva, após 43 anos de serviço ativo no Exército Brasileiro. Durante o evento, foi lida, pelo General Fernandes, referência elogiosa e entregue uma lembrança ao homenageado.

Participaram da solenidade o Governador de Roraima, Antonio Oliverio Garcia de Almeida; o Secretário de Estudos Estratégicos da Secretaria Especial de Assuntos Estratégicos, General de Divisão Eduardo Pazuello; além de representantes de organizações não governamentais, agências nacionais e internacionais, e instituições civis.

Em entrevista coletiva, realizada após a solenidade, o General Schwingel falou sobre o futuro da missão. "Nós daremos continuidade às ações implementadas durante a gestão do General Barros. O foco continua sendo a interiorização. Sinto um misto de honra e satisfação e estou bem ciente do enorme desafio que recebo, pela complexidade e sensibilidade que envolvem a operação”.


 

Sobre a Operação Acolhida

A FTLogHum foi instituída em fevereiro de 2018 e envolve 12 ministérios, além de 120 agências nacionais e internacionais. De acordo com relatório expedido pelo Ministério da Cidadania, até julho de 2021, foram registradas mais de 627 mil entradas de venezuelanos pela fronteira brasileira. Cerca de 59 mil imigrantes já foram interiorizados no País com o apoio da operação. Existe, hoje, em torno de 10 mil venezuelanos abrigados e alojados. Desses, 2 mil são indígenas. Ao todos, são empregados 700 militares das três Forças Armadas na operação.

De acordo com o General Fernandes, as Forças Armadas continuarão prontas para atuar, dentro de suas atribuições e de acordo com as estratégias traçadas pelo Governo Federal.

Fotos: Suboficial Leme


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Pandemic War

Pandemic War

Última atualização 22 OUT, 11:11

MAIS LIDAS

Venezuela