COBERTURA ESPECIAL - TOA - Terrestre

26 de Abril, 2022 - 10:10 ( Brasília )

Unidades de Combate de Selva do EB realizam passagem de Comando e Estágio Básico


23ª Brigada de Infantaria de Selva realiza passagem de Comando

No dia 14 de abril, foi realizada a formatura de Passagem de Comando da 23ª Brigada de Infantaria de Selva (23ª Bda Inf Sl), na qual o General de Brigada Giovani Moretto passou o Comando da Brigada Marechal Soares de Andréa para o General de Brigada Maurício de Souza Bezerra.

A solenidade teve início com a inauguração do retrato na Galeria dos Antigos Comandantes e entrega da Medalha do Serviço Amazônico com Passador de Ouro ao General Moretto, ocasião em que o Comandante Militar do Norte, General de Exército João Chalela Júnior, ressaltou as inúmeras ações do General Moretto à frente da Grande Unidade, destacando seu empenho, entusiasmo e espírito de cumprimento de missão.

Na sequência, houve a transmissão do cargo no quartel do 52º Batalhão de Infantaria de Selva, na presença do Comandante Militar do Norte, contando também com as ilustres presenças do Comandante da 8ª Região Militar, o General de Divisão Otávio Rodrigues de Miranda Filho, do Comandante da 22ª Brigada de Infantaria de Selva, o General de Brigada João Roberto Albim Goubert, do Prefeito de São Geraldo do Araguaia, Jefferson Douglas, do Chefe de Gabinete do Prefeito Municipal de Marabá-PA, Walmor Costa, representante do poder executivo municipal, do Presidente da Câmara Municipal de Marabá, Pedro Corrêa, representante do poder legislativo municipal e da Promotora Josélia Lopes, do Ministério Público do Estado do Pará, além das demais autoridades.

 

Em seu discurso, o General Moretto destacou a satisfação e o orgulho de estar à frente da 23 Bda Inf Sl por quase dois anos. Relembrou da grande importância da Brigada no contexto regional e nacional, e a felicidade em passar o comando da Grande Unidade para o seu amigo da Escola de Comando e Estado-Maior (ECEME), o General Maurício De Souza.

Em suas declarações para a imprensa, o General Maurício De Souza citou “a alegria ao voltar a essa terra maravilhosa e abençoada”, que é o norte do país e lembrou que já teve a oportunidade de conhecer a cidade quando serviu em Belém.

Para o atual Comandante da 23ª Bda Inf Sl, será um grande desafio manter o legado dos antecessores, daqueles que chegaram aqui no pioneirismo da transamazônica, além de continuar integrando cada vez mais a brigada à sociedade e continuar sendo uma tropa operacional que trabalha orientada pelo Comando Militar do Norte.


Cerimônia marca passagem de Comando da 1ª Brigada de Infantaria de Selva

No dia 14 de abril, ocorreu a cerimônia de passagem de comando da 1ª Brigada de Infantaria de Selva (1ª Bda Inf Sl), do General de Brigada Adriano Fructuoso da Costa para o General de Brigada Marcelo Lorenzini Zucco.

Na ocasião, foi realizada a inauguração do retrato do General Fructuoso na Galeria dos Eternos Comandantes da Brigada Lobo D’Almada e, em seguida, a solenidade militar de transmissão do cargo, no pátio de formaturas “General Rodrigo Octávio”, onde estiveram perfiladas tropas de todas as organizações militares diretamente subordinadas (OMDS).

 

O evento foi presidido pelo Comandante Militar da Amazônia, General de Exército Achilles Furlan Neto, e contou com a presença do Governador do Estado de Roraima, Antonio Denarium, do Presidente do Tribunal de Justiça de Roraima, Desembargador Cristóvão Suter, do Deputado Federal Antonio Nicoletti, do Prefeito da cidade de Boa Vista, Arthur Henrique, do General de Divisão Sérgio Schwingel, Comandante da Força-Tarefa Logística Humanitária - Operação Acolhida, e do General de Brigada Franklimberg Ribeiro de Freitas, eterno comandante da 1ª Bda Inf Sl.

Batalhão de Infantaria realiza Estágio Básico do Combatente de Selva


 

De 4 a 14 de abril, o 2º Batalhão de Infantaria de Selva (2º BIS) coordenou o Estágio Básico do Combatente de Selva (EBCS/2022) para alunos em formação do Núcleo de Preparação de Oficiais da Reserva e para soldados de diferentes organizações militares da guarnição de Belém.

O estágio foi realizado no Campo de Instrução de Nova Timboteua, no município de mesmo nome, para um total de 790 estagiários.

O EBCS teve por objetivo coroar o Período de Instrução Individual Básica com exercício no terreno de longa duração e adestramento dos oficiais da reserva e dos recrutas e no nível do combatente individual, além de capacitá-los a operar em ambiente de selva.

Os estagiários receberam instruções de orientação diurna e noturna, obtenção de água e fogo, armadilhas, tiro de caça, alimentos de origem animal e vegetal, observação noturna, transporte de feridos, silenciamento de sentinela, animais peçonhentos, além de uma prática controlada de sobrevivência em ambiente de selva.

 

Após a conclusão do referido estágio e a superação dos desafios impostos no exercício, todos se tornaram aptos a ostentar a boina camuflada, tradicional peça do uniforme utilizado pelos militares que servem nas Organizações Militares da Amazônia Brasileira.


VEJA MAIS