COBERTURA ESPECIAL - TOA - Defesa

23 de Março, 2021 - 10:40 ( Brasília )

Programa Calha Norte é tema do “Por Dentro da Amazônia” com Vice-Presidente Mourão


Viviane Oliveira

O Diretor do Programa Calha Norte (DPCN) do Ministério da Defesa, General de Divisão Ubiratan Poty, concedeu entrevista ao programa de rádio “Por Dentro da Amazônia” na sexta-feira (18). Ele conversou com o Vice-Presidente da República e Presidente do Conselho Nacional da Amazônia Legal (CNAL), General de Exército Hamilton Mourão, sobre as contribuições do DPCN para preservação e desenvolvimento da Amazônia Legal.

Durante a entrevista, o General Poty explicou que as ações de melhoria da infraestrutura são articuladas com foco no desenvolvimento sustentável e na geração de emprego e renda. Para isso, o programa vem sendo implantado em dois eixos. “O primeiro visa contribuir com a soberania nacional e a integridade territorial. O outro é voltado para a promoção do desenvolvimento ordenado e sustentável”, esclareceu.

O Calha Norte soma 35 anos de existência, sendo 21 sob coordenação do Ministério da Defesa. Atualmente, o programa está presente em dez estados e abrange 442 municípios, sendo 169 localizados na faixa de fronteira. Estas áreas englobam cerca de 85% da população indígena brasileira e terras de agricultores familiares.

O General Poty destacou que as obras na região  beneficiaram mais de 15,8 milhões de brasileiros e comentou sobre o investimento nos últimos anos. “Em 2020, destacam-se investimentos de cerca de 192 milhões de reais. Já no biênio 2021/2022 a entrega de obras máquinas, veículos e equipamentos será de 370 milhões de reais”, afirmou.

Os empreendimentos incluem construção de escolas, creches, hospitais, mercados e centros comunitários. Além da pavimentação de ruas e avenidas, obras de drenagem urbana, implantação de redes elétricas e de abastecimento de água. “Assim, o programa coopera com a promoção do desenvolvimento em áreas carentes, com a fixação da população local na sua região, gerando emprego, renda e fortalecendo a cadeia produtiva”, finalizou o General.

Para dar continuidade aos projetos sociais, o Ministério da Defesa atua em parceria com estados e municípios mediante convênio. Já na infraestrutura de defesa territorial, o investimento é proveniente da União e repassado aos comandos das Forças Singulares.


Fotos: Divulgação

VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Russia Docs

Russia Docs

Última atualização 06 DEZ, 10:10

MAIS LIDAS

TOA