COBERTURA ESPECIAL - TOA - Defesa

20 de Outubro, 2020 - 23:44 ( Brasília )

Op Amazônia - Retorna último escalão para o Forte Santa Barbara






Formosa (GO) – Na manhã do dia 16 de outubro, aconteceu a recepção do último escalão do Comando de Artilharia do Exército que participou da Operação Amazônia 2020, composta por 32 militares e 10 viaturas.

A Operação ocorreu no período de 3 a 23 de setembro, com a participação de mais de 3.600 militares e contou com tropas do Comando Militar da Amazônia (Amazonas, Rondônia, Roraima e Acre), do Comando Militar do Norte (Belém/PA), da 23ª Brigada de Infantaria de Selva (Marabá/PA), do Comando de Artilharia do Exército (Formosa/GO), do 18º Grupo de Artilharia de Campanha (Rondonópolis/MT), do Comando de Operações Especiais (Goiânia/GO), da Brigada de Infantaria Pára-quedista (Rio de Janeiro/RJ), apoio da 11ª Região Militar e com participação da Marinha do Brasil e da Força Aérea Brasileira.



O objetivo da Operação foi o adestramento das tropas, simulando uma ameaça externa em ambiente operacional amazônico, a fim de contribuir para o cumprimento da missão constitucional da Forças Armadas, de defender a Pátria e garantir a soberania nacional.

O comboio do Comando de Artilharia do Exército deslocou-se pelos modais rodoviário e fluvial totalizando mais de 7.000 quilômetros de distância. Por ocasião da chegada, a tropa prestou a continência ao terreno e, em seguida, foi cumprimentada pelo Comandante de Artilharia do Exército, seu Estado-Maior, e também pelos Comandantes das Organizações Militares Diretamente Subordinadas.



O Comandante da Artilharia Gen Bda Valerio Lange recebe o mebro do último escalão, que participou da Operação Amazônia Foto - Cmdo Artilharia




Parte do comboio com escolta


VEJA MAIS