COBERTURA ESPECIAL - TOA - Naval

30 de Setembro, 2020 - 11:40 ( Brasília )

Comando do 9º Distrito Naval participa da Operação “Amazônia 2020”


No período de 14 a 23 de setembro, uma Força-Tarefa Ribeirinha, constituída por meios do Comando da Flotilha do Amazonas e do 1º Batalhão de Operações Ribeirinhas (1ºBtlOpRib), realizou operação no Rio Solimões, no trecho compreendido entre as cidades de Manaus e Codajás, no Amazonas.

O exercício militar foi realizado no contexto da Operação “Amazônia 2020”, do Ministério da Defesa. A operação visa manter a capacidade operativa das tropas na região, a fim de garantir a soberania nacional, e aprimorar o trabalho conjunto das Forças Armadas, além de aumentar o apoio às comunidades ribeirinhas, por meio de ações cívico-sociais.

Pela primeira vez, a Marinha testou, em uma Operação Ribeirinha, o emprego de um Elemento de Combate Fluvial, constituído por Lanchas de Combate blindadas e tropas de Fuzileiros Navais, com a participação e apoio de Navios-Patrulha Fluvial. Participaram do exercício o Navio-Patrulha Fluvial “Pedro Teixeira”, o Navio-Patrulha Fluvial “Raposo Tavares” e as tropas de Fuzileiros Navais do 1ºBtlOpRib.



Durante a operação foi possível adestrar novas táticas, técnicas e procedimentos, conforme o novo conceito de emprego das Operações Ribeirinhas, em estudo pelo Comando do Desenvolvimento Doutrinário do Corpo de Fuzileiros Navais, que destaca a importância do Combate Fluvial e reforça a ligação permanente dos elementos da tropa com os navios e embarcações orgânicas.


VEJA MAIS