COBERTURA ESPECIAL - TOA - Terrestre

04 de Setembro, 2020 - 11:00 ( Brasília )

1ª Brigada de Infantaria de Selva apreende aeronaves usadas na logística de garimpo ilegal em Roraima


Na manhã de 2 de setembro, tropas da 1ª Brigada de Infantaria de Selva (1ª Bda Inf Sl), atuando na Operação Verde Brasil 2, realizaram uma ação de fiscalização em uma fazenda localizada a leste da Terra Indígena Yanomami e ao norte da Estação Ecológica do Niquiá e de Caracaraí, município de Caracaraí (RR), onde apreenderam aeronaves utilizadas para a logística da atividade de garimpo ilegal.

A tropa do Comando de Fronteira Roraima/7º Batalhão de Infantaria de Selva realizou a ação acompanhada por agentes do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), policiais militares de Roraima e fiscais da Fundação Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos.

Foram apreendidos quatro aviões modelo PT em condições de voo, uma carcaça de avião em condições de ser consertada, duas carcaças de avião em péssimo estado, um avião de pequeno porte em construção e uma grande quantidade de peças de avião.

No local, havia um hangar com capacidade para abrigar cinco aeronaves, uma oficina de manutenção de aeronaves, uma pista com aproximadamente 200 metros de extensão e um local de aterragem para helicópteros. O hangar tem seu telhado pintado na cor verde, com o objetivo de camuflar a instalação e dificultar a observação aérea do local. Não foram realizadas prisões.

Todo o material apreendido seguiu para Boa Vista em viaturas do 1º Batalhão Logístico de Selva e da ALA 7 da Força Aérea Brasileira, para ser apresentado na Polícia Federal.


VEJA MAIS