31 de Maio, 2021 - 10:00 ( Brasília )

Terrestre

Centro de Instrução conclui treinamento em salto livre operacional para 23 militares


No dia 24 de maio, o Centro de Instrução Pára-quedista General Penha Brasil (CI Pqdt GPB) encerrou o primeiro turno do Treinamento Específico de Salto Livre Operacional, do qual participaram 23 militares. A cerimônia de brevetação ocorreu no município de Resende (RJ).

Foram brevetados cabos e soldados da Brigada de Infantaria Pára-quedista (Bda Inf Pqdt) – 13 dos quais, militares da Companhia de Precursores Pára-quedista e 10 deles, oriundos do Batalhão de Dobragem, Manutenção de Paraquedas e Suprimento pelo Ar.

Durante o treinamento, o saltador livre aprende noções sumárias dos equipamentos utilizados, técnicas de queda livre, além de técnicas de navegação com paraquedas.



Faz parte também do turno o salto livre operacional, modalidade na qual o paraquedista salta armado e equipado. A atividade servirá de base para o adestramento das suas unidades paraquedistas de origem.

Batalhão paraquedista realiza primeiro salto de soldados recrutas

No dia 26 de maio, os soldados recrutas do 25º Batalhão de Infantaria Pára-quedista (25º BI Pqdt) realizaram seu primeiro salto de uma aeronave militar, a C-130, na zona de lançamento de Afonsos. Para renovar o efetivo de seus paraquedistas a cada ano, o 25º BI Pqdt conta com a 1ª Companhia de Fuzileiros Paraquedistas (Cia Fuz Pqdt), subunidade responsável pela formação dos novos soldados paraquedistas.

Para se tornar um soldado paraquedista do 25º BI Pqdt, 104 recrutas da 1ª Companhia de Fuzileiros Paraquedistas passaram por um longo período de instruções de treinamento físico militar, conhecimento técnico e profissional além de exercícios no terreno, visando a realização do estágio básico paraquedista.

O Estágio Básico Paraquedista tem duração de três semanas e consiste nas preparações física, psicológica e técnica para tornar o militar apto a abandonar uma aeronave militar em pleno voo.

Fontes: Centro de Instrução Pára-quedista General Penha Brasil e 25º BI Pqdt