04 de Novembro, 2020 - 11:30 ( Brasília )

Terrestre

1ª Bda AAAe participa da Operação de Adestramento Conjunto Escudo Antiaéreo 2020


O Exército Brasileiro, por meio da 1ª Brigada de Artilharia Antiaérea (1ª Bda AAAe), participou da Operação de Adestramento Conjunto Escudo Antiaéreo 2020. As atividades, sob a coordenação do Ministério da Defesa e do Comando de Defesa Aeroespacial Brasileiro (COMDABRA), aconteceram de 26 a 31 de outubro.

O exercício contou com a participação integrada de unidades militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica que compõem, permanentemente ou eventualmente, o Sistema de Defesa Aeroespacial Brasileiro (SISDABRA) e testou a capacidade dos diversos Comandos de Defesa Antiaérea para a identificação e a neutralização de ameaças aéreas.

A operação foi executada a partir de simulações de ataque e de supressão de defesa antiaérea. O foco foi a proteção de regiões e de pontos considerados sensíveis pela Defesa. Para o Comandante da 1ª Bda AAAe, General de Brigada Antônio Ribeiro da Rocha Neto, o grande diferencial desse exercício é que o militar é treinado de forma real. Apesar da utilização simulada de armamento, as atividades são executadas de forma concreta.

Sob a responsabilidade da 1ª Bda AAAe estava a defesa de pontos sensíveis de interesse estratégico em Macaé (RJ), Uberlândia (MG) e Cristalina (GO). Simulando uma situação de atuação dentro do SISDABRA, também foi constituído um Grupo Conjunto de Defesa Antiaérea de Média Altura para a defesa de Brasília (DF). Nesta operação, o efetivo do Exército foi de mais de 400 militares e foram empregadas 50 viaturas.



ÚLTIMAS

Terrestre

MAIS LIDAS