30 de Setembro, 2020 - 11:20 ( Brasília )

Terrestre

Centro de Instrução de Operações no Pantanal conclui a especialização de novos combatentes pantaneiros


No dia 25 de setembro, o 17º Batalhão de Fronteira realizou a formatura de conclusão do Estágio de Operações no Pantanal (EOpPan - 20/01) para cadetes da Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) e sargentos do Comando Militar do Oeste (CMO). A solenidade contou com a presença do Chefe do Estado-Maior do Comando Militar do Oeste, General de Brigada Cristiano Pinto Sampaio, e do Comandante da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira, General de Brigada José Luis Araújo dos Santos, além de Comandantes e representantes das Organizações Militares do CMO, familiares e amigos dos estagiários. 

Concluíram, com êxito, 48 estagiários, destacando-se dentre esses a 3º Sargento Isabella Resende Carvalho, guerreira de pantanal nº 1440, segunda militar do segmento feminino a realizar o referido estágio.

O EOpPan, conduzido pelo Centro de Instrução de Operações no Pantanal (CIOpPan), possui a duração de cinco semanas, com 572 horas de instrução, divididas em 3 fases distintas. A 1ª fase, denominada Vida no Pantanal, contempla as instruções voltadas para a sobrevivência no Pantanal. Na 2ª fase, de Técnicas Especiais, são ministradas instruções de comunicações, orientação, técnicas fluviais, aeromóveis e tiro. Por fim, a 3ª fase destina-se às operações, em que os estagiários são avaliados no planejamento e na execução de missões de patrulha no ambiente pantaneiro.