Conheça a primeira pista de liderança militar do Brasil

Com pioneirismo da Marinha, ferramenta é utilizada para o desenvolvimento da inteligência emocional de um líder

Por Primeiro-Tenente (RM2-T) Thaís Cerqueira

Você sabe o que é uma pista de liderança? Ela é utilizada para aprimorar a inteligência emocional dos participantes, permitindo que conheçam suas capacidades e limitações individuais e coletivas. A primeira pista de liderança militar do País foi criada pela Marinha do Brasil (MB), há mais de dez anos, e está situada na Escola de Liderança do Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo (CIASC), na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro. Anualmente, cerca de duas mil pessoas, entre militares e civis, são aprimoradas na pista.

A pista de liderança é composta por 11 eventos distintos que treinam uma ampla gama de atributos, para promover a conscientização e o aprimoramento dos aspectos da liderança. As habilidades mais exigidas durante os exercícios são inteligência emocional, coragem, trabalho em equipe, comunicação e capacidade decisória. Os exercícios visam superar situações de estresse e de adversidades como, por exemplo, o resgate de população ribeirinha com transposição de uma região alagada, a retirada de um ferido em uma aeronave abatida ou, até mesmo, a coordenação de reféns em um campo minado.

Além de promover a liderança entre os Oficiais e as Praças da MB, o espaço recebe equipes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) da Polícia Militar do Rio de Janeiro, do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro, empresas privadas, faculdades, entre outras instituições. Em março de 2024, a pista de liderança recebeu a primeira turma do Curso de Cobertura Jornalística em Área de Combate e, no ano anterior, também foi cenário para o treinamento do Estágio de Operações de Paz para Mulheres da MB.

A pista foi inaugurada em 29 de agosto de 2013, pelo então Comandante-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais, recebendo o nome Pista de Liderança Sargento Lucas, uma homenagem póstuma, em reconhecimento à dedicação ao serviço na MB evidenciada pelo referido militar.

A MB possui outras seis pistas de liderança distribuídas pelas organizações militares: no Centro de Instrução e Adestramento Aeronaval Almirante José Maria do Amaral Oliveira, no Centro de Instrução e Adestramento de Brasília Almirante Domingos de Mattos Cortez, no 1º Batalhão de Operações Ribeirinhas, no 2º Batalhão de Operações Ribeirinhas, no 3º Batalhão de Operações Ribeirinhas e no Grupamento de Fuzileiros Navais do Rio Grande.

Fonte: Agência Marinha de Notícias

Compartilhar:

Leia também

Inscreva-se na nossa newsletter