COBERTURA ESPECIAL - Pandemic War - Defesa

07 de Julho, 2020 - 10:10 ( Brasília )

Brasil recebe dos Emirados Árabes 10 toneladas de insumos médicos


Maristella Marszalek

Os Emirados Árabes Unidos doaram ao Brasil 10 toneladas de equipamentos médicos para auxiliar no combate à Covid-19. O material chegou na manhã desta segunda-feira (06), transportado pelo Boeing 787-9 da Etihad Airways. A aeronave pousou na Base Aérea de Brasília, ALA 1.

A ação é resultado de articulação entre a Secretaria de Produtos de Defesa (SEPROD) do Ministério da Defesa e representantes do Governo dos Emirados Árabes Unidos. A parceria diplomática também contou com participação dos Ministérios das Relações Exteriores, da Saúde e do Gabinete de Crise da Casa Civil da Presidência da República.

“Esta é mais uma resposta do Estado, nesta guerra contra a Covid-19. Não estamos medindo esforços para mitigar os impactos da pandemia e para que a vida volte ao normal no mais curto espaço de tempo possível”, destacou o Secretário de Produtos de Defesa, Marcos Degaut.

Na ocasião, uma breve cerimônia formalizou o recebimento dos produtos, dentre eles, máscaras, testes rápidos, luvas, sanitizantes e roupas médicas. O encarregado de negócios da Embaixada dos Emirados Árabes Unidos em Brasília, Saaed Alshehhi, fez a entrega simbólica da doação. 

“Hoje, os Emirados Árabes Unidos sentem-se satisfeitos por participar desta cooperação para combater a Covid-19. O Brasil é um grande parceiro em muitos campos, especialmente na cooperação econômica, sendo o principal parceiro na América do Sul”, destacou o diplomata. 

Além do Secretário de Produtos de Defesa, representaram o governo brasileiro o Secretário de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto do Ministério da Defesa, General de Exército Manoel Luiz Narvaz Pafiadache. Ele destacou que os insumos recebidos serão disponibilizados para o Ministério da Saúde. 

“Só temos a agradecer o gesto de amizade e humanitário dos Emirados Árabes pela carga que estamos recebendo hoje. Sem dúvida, nos ajudará muito a conduzir soluções para vencermos essa pandemia que estamos vivendo”, destacou o General Pafiadache. 

Também estiveram presentes na solenidade o Diretor do Departamento de Promoção Comercial da SEPROD, General de Divisão Luis Antonio Duizit Brito, o Adido ao Ministério da Defesa, General de Brigada Marco Antônio Martin da Silva, o Subchefe de Integração Logística, Brigadeiro Intendente Gilson Alves de Almeida Junior, o Comandante da Ala 1, Brigadeiro do Ar José Ricardo de Meneses Rocha, e o Assessor da Secretaria Executiva da Casa Civil, Robson Crepaldi.

Operação Covid-19

O Ministério da Defesa ativou, em 20 de março, o Centro de Operações Conjuntas, para atuar na coordenação e no planejamento do emprego das Forças Armadas no combate à COVID-19. Nesse contexto, foram ativados dez Comandos Conjuntos, que cobrem todo o território nacional, além do Comando Aeroespacial (COMAE), de funcionamento permanente. A iniciativa integra o esforço do governo federal no enfrentamento à pandemia, que recebeu o nome de Operação COVID-19.

As demandas recebidas pelo Ministério da Defesa, de apoio a órgãos estaduais, municipais e outros, são analisadas e direcionadas aos Comandos Conjuntos, para avaliarem a possibilidade de atendimento. De acordo com a complexidade da solicitação, tais demandas poderão ser encaminhadas ao Gabinete de Crise, que determinará a melhor forma de atendimento.



Fotos Alexandre Manfrim


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Brasil - EUA

Brasil - EUA

Última atualização 12 AGO, 14:00

MAIS LIDAS

Pandemic War