COBERTURA ESPECIAL - Pandemic War - Aviação

20 de Abril, 2020 - 10:50 ( Brasília )

Esquadrão de Saúde da FAB realizam ações de combate ao Coronavírus


Aspirante Rebeca, Tenente Cristiane E Major Monteiro


O Esquadrão de Saúde de Porto Velho (ES-PV), em Rondônia, está atuando diretamente no enfrentamento ao novo Coronavírus. Desde meados do mês de março, diversas ações foram implementadas para combater a pandemia. Visando atender militares e dependentes com possíveis suspeitas da COVID-19, foi montada, na parte externa do ES-PV uma área de acolhimento, com cobertura total, janelas e circulação de ar por sistema condicionador, com troca do ar de dentro para fora.

Sob a Coordenação do Comandante do Esquadrão de Saúde, Major Médico Amazonas Barbosa da Rocha, foram firmadas parcerias com entidades locais, como a Universidade São Lucas, que confeccionou e doou máscaras (modelo Face Shield), além de outros Equipamentos de Proteção Individual (EPIs). "Os equipamentos vão aumentar ainda mais a proteção do efetivo do ES-PV", disse.

Visando à redução de riscos, também é realizado o acompanhamento diário dos pacientes com síndrome gripal e a notificação e acompanhamento de todos os casos suspeitos. O acesso ao prédio do ES-PV está restrito a um único direcionamento de entrada e saída, sempre com a presença de um militar paramentado e instruído a reforçar as orientações, ao efetivo e aos pacientes, sob as demandas não relacionadas à síndrome gripal.

Foram realizadas, ainda, instruções ao efetivo referentes à paramentação e desparamentação de EPI’s, além de cuidados com o fluxos de atendimento nos Hotéis de Trânsito, na Seção de Subsistência, na Garagem e no Esquadrão de Segurança e Defesa (ESD), quanto ao controle de aglomerações e cuidados de higienização.

Por fim, para sanar dúvidas e providenciar quaisquer esclarecimentos sobre a COVID-19, formas de prevenção, sintomas, casos suspeitos e outras informações relacionadas, o ES-PV disponibilizou ao efetivo da Guarnição de Aeronáutica de Porto Velho (RO) um canal de comunicação exclusivo sobre o assunto, por meio do e-mail duvidascoronavirusespv@gmail.com.

Efetivo do Parque de Material Aeronáutico de São Paulo recebe vacina contra Influenza¹

O Parque de Material Aeronáutico de São Paulo (PAMA-SP) realizou, na segunda-feira (13), por meio do Hospital de Força Aérea de São Paulo (HFASP) e em parceria com o Ministério da Saúde, a Campanha de Vacinação contra a Influenza. Mais de 260 pessoas, entre elas profissionais da saúde, idosos e militares, receberam a dose. A campanha tem o intuito de preservar a saúde dos integrantes das Forças Armadas, com importância no fortalecimento do mecanismo de defesa do organismo, minimizando os riscos de contaminação.

O Diretor do PAMA-SP, Coronel Aviador Marcos Dias Marschall, reforçou que o atual cenário de pandemia é preocupante e todo cuidado é necessário. “Mediante a essa pandemia, temos a preocupação com a saúde não só dos militares desta OM, como da população em geral e apoio a Campanha de Vacinação como forma de prevenção. Agradeço e parabenizo os profissionais que estavam na linha de frente, fazendo parte da equipe nessa campanha de vacinação”, destaca.

Sobre a Influenza

A Influenza é uma doença infecciosa febril aguda com maior risco de complicações em alguns grupos vulneráveis e pode evoluir para formas mais graves e até a morte. Vale ressaltar que a vacinação contra a Influenza não protege contra o Coronavírus, mas auxilia os profissionais de saúde no diagnóstico para a COVID-19 ao descartarem os vários tipos de gripe na triagem da população vacinada.

Militares participam de campanha de doação de sangue em Brasília (DF)²

Militares da Marinha do Brasil (MB), do Exército Brasileiro (EB) e da Força Aérea Brasileira (FAB) realizaram, nesta quinta-feira (16), mais uma etapa da Campanha de Doação de Sangue à Fundação Hemocentro de Brasília. A ação faz parte da Operação COVID-19, realizada pelo Comando Conjunto Planalto, que reúne militares das três Forças.

Quinze voluntários fizeram a doação, sendo cinco de cada Força. Entre eles, estava a Aspirante Amanda Almeida Paiva, do Centro de Computação da Aeronáutica de Brasília (CCA-BR). “Além de fazer o nosso trabalho no dia a dia, é importante a gente participar dessa doação por causa da situação de pandemia provocada pelo novo Coronavírus”, ressaltou.

A maior necessidade do Hemocentro é de sangue com Fator RH Negativo. Para evitar aglomeração, só são permitidos grupos de, no máximo, 15 pessoas. O agendamento individual ou de grupos é obrigatório e deve ser feito pelos telefones: (61) 3327-4413 ou (61) 3327-4447. O Hemocentro funciona de segunda a sábado das sete da manhã às seis da tarde.

Para ser um doador de sangue é necessário, entre outras condições, estar bem de saúde, ter de 16 a 69 anos de idade, pesar mais de 51 quilos e apresentar um documento oficial com foto.

Comando Conjunto

O Comando Conjunto Planalto, que atua no Distrito Federal, nos estados de Goiás e Tocantins, e no Triângulo Mineiro tem a missão de apoiar as ações dos órgãos de saúde e de segurança pública, na prevenção e contenção da pandemia do novo Coronavírus. Entre as ações já realizadas estão a desinfecção na Rodoviária do Plano Piloto, na Rodoviária Interestadual e no Aeroporto Internacional de Brasília.

Fotos: Cabo Nunes / EB - Tenente Jamile/ES-PV - Aspirante Tatiana Quadros / PAMA-SP
¹Aspirante Tatiana Quadros, Aspirante Letícia Faria E Capitão Oliveira Lima - ²Tenente Elias E Major Monteiro

 


VEJA MAIS