COBERTURA ESPECIAL - PROSUPER - Naval

26 de Fevereiro, 2021 - 12:30 ( Brasília )

ProAntar - “Short List” para o Projeto do Navio de Apoio Antártico

Marinha do Brasil avança no Projeto de Obtenção do Navio de Apoio Antártico

MARINHA DO BRASIL
DIRETORIA DE GESTÃO DE PROGRAMAS DA MARINHA

 


A Marinha do Brasil (MB), por intermédio da Diretoria de Gestão de Programas da Marinha, informa que a “Short List” para o Projeto do Navio de Apoio Antártico (NApAnt) está composta pelas seguintes empresas, nomeadas por ordem alfabética:
 

· DAMEN SHIPYARDS/ WILSON SONS, ESTALEIROS LTDA.;

· ESTALEIRO JURONG ARACRUZ LTDA./ SEMBCORP MARINE SPECIALISED / SHIPBUILDING PTE. LTDA, e,

· ITAGUAÍ CONSTRUÇÕES NAVAIS S.A./ KERSHIP S.A.S.

 

As avaliações das propostas e o processo decisório observaram as boas práticas de governança pública e princípios aplicáveis à Administração Pública, pautando-se nas avaliações globais das propostas com base nos critérios definidos na RFP nº 40005/2020-001, considerando a qualidade técnica e a aderência aos interesses da MB.

O Projeto de Obtenção do NapAnt, a ser construído no Brasil, visa à seleção da melhor proposta para a aquisição de um navio com capacidades aprimoradas e que atenda aos requisitos de apoio a nova Estação Antártica Comandante Ferraz. Este Projeto, certificado por Sociedade Classificadora, tem como objetivo substituir o Navio de Apoio Oceanográfico (NApOc) Ary Rongel, construído em 1981.

 

A MB se faz presente na região Antártica desde 1983, com a instalação da Estação Antártica Comandante Ferraz (EACF). Em 15 de janeiro de 2020, ocorreu a inauguração das modernas instalações da nova EACF, ampliando sua capacidade de pesquisa, saindo de quatro para dezessete laboratórios. Dessa forma, a estação possibilitará a realização, em média, de 20 projetos científicos anuais nas áreas de oceanografia, biologia marinha, meteorologia, geologia e glaciologia.

A manutenção e o abastecimento da EACF, bem como o apoio logístico e operacional aos projetos de pesquisa são realizados, essencialmente, por meio de navios. Atualmente, o Brasil conta com o NApOc Ary Rongel e o Navio Polar Almirante Maximiano (construído em 1990).




DIRETORIA DE GESTÃO DE PROGRAMAS DA MARINHA
Projeto do NApAnt (Navio de Apoio Antártico)
02 Dezembro 2020


A Marinha do Brasil (MB), por intermédio da Diretoria de Gestão de Programas da Marinha (DGePM), informa que, em 30 de novembro de 2020, foi encerrada a Fase de Entrega das Propostas do Projeto de obtenção do Navio de Apoio Antártico (NApAnt).

Foram recebidas quatro propostas comerciais, das seguintes empresas/consórcios:

− Damen Shipyards Gorinchem e Wilson Sons Estaleiros Ltda;
− Grupo Semcorp Marine - Estaleiro Jurong Aracruz Ltda.;
− Glosten Inc. e Sacanb Offshore Ltda; e
− Itaguaí Construções Navais S/A e Kership S.A.S.

As próximas etapas do processo ocorrerão conforme o cronograma a seguir:


 

EVENTO DATA/PERÍODO
Divulgação da "Short List" Até 22/02/2020
Divulgação da Melhor Oferta Até 07/06/2020


O NApAnt substituirá e desenvolverá as mesmas missões NApOc “Ary Rongel”, com capacidades aprimoradas, em função da experiência da Marinha no Programa Antártico Brasileiro e dos requisitos de apoio à nova Estação Antártica Comandante Ferraz.

O Navio de Apoio Oceanográfico “Ary Rongel” foi incorporado à MB em 25 de abril de 1994 e, a partir de então, a cada ano, opera em média durante seis meses na Antártica.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Fronteiras

Fronteiras

Última atualização 26 NOV, 11:11

MAIS LIDAS

PROSUPER