07 de Janeiro, 2022 - 10:30 ( Brasília )

Comando da Força Aeronaval prontifica Módulo de Gestão de Grandes Comandos


O Centro de Apoio ao Sistema de Manutenção de Aeronaves do Comando da Força Aeronaval prontificou, em dezembro, a versão beta (teste) do módulo de Gestão de Grandes Comandos (GGC), integrante do Sistema Integrado da Aviação Naval (SisAvn), cujo objetivo é auxiliar a gestão do processo do Ciclo de Vida dos meios aeronavais, permitindo a simulação do Custo Logístico da Hora de Voo (CLHV) e a visualização da disponibilidade em tempo real de suas aeronaves.

Todos os dados apresentados são importados do módulo de manutenção (SislogWeb), o qual é utilizado diariamente pelos esquadrões e pelo Grupo Aéreo de Manutenção de Aeronaves. Com a atualização das folhas de registros de voo e finalização ou abertura de ordens de serviço para as aeronaves e seus equipamentos, a tendência é que as informações sejam atualizadas ao longo do dia.



A plataforma permite auxiliar a tomada de decisão mantendo um alto nível de prontidão, capacitação e combatividade, para conduzir operações aéreas aonde o Comando em Chefe da Esquadra julgar necessário.

Na visualização da disponibilidade, os operadores podem acessar as informações referentes à localização do meio, restrições operativas, inspeções em andamento, motivo da indisponibilidade, previsão de prontificação e futuras inspeções a serem realizadas.

Por meio da simulação de custos, foi elaborado um algoritmo que importa a disponibilidade de cada equipamento instalado na aeronave, quantidade em estoque, expectativa de horas voo, limite de vida, custo do combustível, valor médio das manutenções corretivas, consumo médio de cada modelo de aeronave, inspeções a serem realizadas previstas pelo fabricante, baseadas na quantidade do esforço aéreo previsto até o final do ano corrente e sua projeção para os quatro anos subsequentes, ao final são exibidos quatro gráficos com estimativa de custo total por ano, total detalhado por atividade (Progem, obtenção, sobressalentes, combustível), total por modelo de aeronave e o custo da hora de voo para cada modelo simulado.



A plataforma pode ser acessada de qualquer lugar por meio do acesso via navegador interligado a RECIM e funciona como ferramenta a fim de prover o apoio aéreo aos Comandos Operativos, contribuindo para os diversos empregos do Poder Naval.