25 de Setembro, 2019 - 10:45 ( Brasília )

Corveta “Barroso” é o novo Navio Capitânia da Força-Tarefa Marítima da UNIFIL


Em 15 de setembro, dois navios construídos no Brasil foram protagonistas durante a cerimônia de Handover em águas do Mar Mediterrâneo. A Corveta “Barroso” tornou-se, pela terceira vez, o Navio Capitânia da Força-Tarefa Marítima da Força Interina das Nações Unidas no Líbano (FTM-UNIFIL), em substituição à Fragata “União”, que concluiu com êxito um período de seis meses na missão, perfazendo 23 patrulhas e 92 dias de mar.

A FTM-UNIFIL foi criada em 15 de outubro de 2006, em atendimento à Resolução 1701 do Conselho de Segurança das Nações Unidas, por solicitação do governo libanês, tendo a peculiaridade de ser a única Força Naval componente de missão de paz da ONU.

A FTM-UNIFIL possui um Estado-Maior multinacional e seis navios de diferentes nacionalidades: Alemanha, Bangladesh, Brasil, Grécia, Indonésia e Turquia.



Seguindo o protocolo da ONU, a cerimônia foi presidida pelo Comandante da FTM-UNIFIL, Contra-Almirante Eduardo Augusto Wieland.

O evento contou com a presença do Encarregado de Negócios da Embaixada do Brasil no Líbano, Ministro Conselheiro Jandyr Ferreira dos Santos Júnior, do Procurador-Geral da Justiça Militar, Jaime de Cássio Miranda, do Comandante em Chefe da Esquadra, Vice-Almirante José Augusto Vieira da Cunha de Menezes, do Subchefe de Operações de Paz do Ministério da Defesa, General de Divisão Rolemberg Ferreira da Cunha, além de diversas personalidades civis e militares locais e de países integrantes da missão.


da esq. p/ dir.) Coronel (FAB) Veloso, General de Divisão Cunha, Contra-Almirante Wieland, Vice-Almirante Cunha e Coronel (EB) Soares Paes



ÚLTIMAS

MAIS LIDAS