COBERTURA ESPECIAL - IDEX - Armas

26 de Fevereiro, 2021 - 09:00 ( Brasília )

IDEX - CBC e TAURUS recebem diversas delegações na IDEX 2021 e se articulam para parceria com o Egito



 
 
Quinta-feira (25/02) foi o último dia da IDEX 2021 (International Defence Exhibition), maior feira militar do Oriente Médio, que ocorreu em Abu Dhabi desde o dia 21 de fevereiro, e na qual empresas do setor de defesa brasileiro estão promovendo suas marcas internacionalmente.
 
A Companhia Brasileira de Cartuchos (CBC) e a Taurus estão presentes, seguindo os rígidos protocolos de segurança contra a COVID-19, e receberam durante todo o evento delegações oficiais de vários países da região, onde tiveram a oportunidade de conhecer os novos produtos e as tecnologias das empresas.
 
Não é novidade que o Brasil quer parcerias de longo prazo na área de defesa com países do Oriente Médio. Segundo dados da Câmara de Comércio Árabe Brasileira, os países árabes importaram no ano de 2019 em produtos de defesa e segurança US$ 32,8 bilhões, dos quais US$ 195,2 milhões do Brasil.

A importação que o Egito fez do Brasil na área somou US$ 3,5 milhões. O país é o sexto destino dessa indústria no mercado árabe.
 
Entre as parcerias estratégicas que vem sendo articuladas destaca-se a da indústria brasileira com o Egito para a venda de produtos destinados a área de defesa. A CBC e a Taurus receberam em seu estande na IDEX a delegação com representantes de órgãos oficiais do país, que se mostraram interessados em fazer negócios com as empresas brasileiras e as tratativas estão em andamento.
 
Segundo o CEO Global da Taurus e vice-presidente comercial e de relações institucionais da CBC, Salesio Nuhs, a atuação em expandir suas vendas no exterior tem trazido os resultados esperados e a exportação de armas e munições brasileiras segue em alta. O mercado global está crescendo, principalmente na África e Ásia.
 
Neste contexto, a CBC e a Taurus têm apresentado ao mercado produtos de qualidade e inovadores. O amplo portfólio de produtos e a renovação da linha de armas e munições têm atraído o interesse dos consumidores no Brasil e no exterior, contribuindo para o aumento do volume de vendas e evolução positiva da receita das empresas.
 
"A CBC e a Taurus têm obtido sucesso na sua estratégia de se firmarem como marcas que incorporam inovação, qualidade e confiabilidade, ao mesmo tempo que oferecem opções com preços atrativos. Essas vantagens têm permitido as companhias ampliarem a participação no mercado internacional", afirma Nuhs.
 
Atualmente, mais de 80% do faturamento da Taurus vem das exportações. A empresa exporta para mais de 100 países, é a líder mundial na fabricação de revólveres e uma das maiores produtoras de pistolas do mundo, além de ser a quarta marca mais vendida e a mais importada no exigente mercado norte americano.
 
Já a CBC é uma das maiores fornecedoras mundiais de munição para países da OTAN. O Grupo CBC é líder mundial em munições para armas portáteis. A confiabilidade de seus produtos é atestada por 130 países, nos 5 continentes.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Ecos - Guerras, Conflitos, Ações

Ecos - Guerras, Conflitos, Ações

Última atualização 16 SET, 11:00

MAIS LIDAS

IDEX