COBERTURA ESPECIAL - Fogo-Fire-Feuer-Feu - Terrestre

25 de Setembro, 2019 - 09:55 ( Brasília )

Comando Conjunto Norte trata emprego de tropas no combate a incêndios e crimes ambientais em Tocantins


O Comando Conjunto Norte informa que hoje, 24 de setembro, ocorreu reunião com o Governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, o Comandante Militar do Planalto, General de Divisão Sérgio da Costa Negraes e o Comandante da Força Terrestre Componente, General de Divisão Anisio David de Oliveira Junior, em Palmas.

No encontro, ocorreram as tratativas para definições sobre o emprego de tropas federais para combate a incêndios e crimes ambientais no estado. Participaram, também, o Comandante do 7° Distrito Naval, Vice-Almirante Wladmilson Borges de Aguiar; o Comandante do 22º Batalhão de Infantaria, Tenente-Coronel Carlos Gabriel Brusch Nascimento; e demais autoridades civis e militares.

O General David está na cidade desde ontem para conversas com representantes de agências civis e militares locais para direcionamento das ações dos militares no estado.

Foram levantadas as necessidades da área e exposto como será realizado o trabalho dos militares nas ações de garantia da lei e da ordem. Desde a semana passada, o 22º Batalhão de Infantaria, localizado em Palmas, tem o seu emprego na Operação Verde Brasil subordinados à Força Terrestre Componente do Comando Conjunto Norte. Fora do contexto do decreto de garantia da lei e da ordem, a subordinação desta organização militar é do Comando Militar do Planalto.

O 50° Batalhão de Infantaria de Selva, de Imperatriz (MA), mantém seus trabalhos na região do Bico do Papagaio, ao norte do Tocantins, área que já é de responsabilidade do Comando Conjunto Norte.

Início dos trabalhos

Com o objetivo de obter melhores informações sobre a situação dos focos de incêndio no Estado do Tocantins, ontem, 24 de setembro, aconteceu um reconhecimento aéreo no entorno da cidade de Palmas, Serra do Lajeado e Ilha do Bananal.

Participaram representantes da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro, do Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (CBMTO), da Defesa Civil e do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade. Para a eficácia do combate aos focos de incêndio, 230 militares do 22º Batalhão de Infantaria irão passar por capacitação, ministrada pelo CBMTO, com instruções de combate ao fogo e primeiros-socorros.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Expansão Chinesa

Expansão Chinesa

Última atualização 04 MAR, 10:10

MAIS LIDAS

Fogo-Fire-Feuer-Feu