COBERTURA ESPECIAL - Embraer - Aviação

30 de Novembro, 2021 - 09:00 ( Brasília )

Embraer e Pratt & Whitney firmam parceria para o programa de demonstração de voo de combustível de aviação 100% sustentável


A Embraer anunciou hoje a assinatura de um memorando de entendimento com a Pratt & Whitney para colaboração nos estudos de Combustível de Aviação 100% Sustentável (SAF, na sigla em inglês). Equipes técnicas das duas empresas trabalharão em conjunto para definir um plano integrado de testes de solo e voo com uso de 100% de SAF, em uma aeronave E195-E2, da Embraer, com motores GTF.

A iniciativa reflete o compromisso compartilhado da Embraer e da Pratt & Whitney em apoiar as ambiciosas metas ambientais da indústria da aviação, incluindo a meta de atingir zero emissões líquidas de CO2 nos voos até 2050. Juntamente com os esforços para melhorar continuamente a eficiência das aeronaves e dos motores, o SAF desempenha papel importante para a descarbonização das viagens aéreas, reduzindo a dependência de combustíveis fósseis.

O SAF é produzido a partir de matérias-primas renováveis, como óleo de cozinha usado ou resíduos sólidos urbanos, e podem reduzir as emissões de CO2 do ciclo de vida em até 80%, em comparação com o combustível fóssil para aviação. Hoje, os padrões técnicos elaborados pela ASTM International permitem que as aeronaves operem com SAF em misturas de até 50% com querosene.

A colaboração entre fabricantes aeronáuticos (OEMs, na sigla em inglês), fornecedores de combustível e reguladores permitirá que novos padrões certifiquem a operação com 100% SAF. “Temos o compromisso de aprimorar continuamente a eficiência e o desempenho de nossos produtos e, ao ampliar ainda mais sua compatibilidade com o SAF, possibilitaremos que nossos clientes operem da forma mais sustentável possível”, disse Arjan Meijer, Presidente e CEO da Embraer Aviação Comercial.

A Embraer tem um histórico reconhecido de inovação em combustíveis sustentáveis, o que inclui a primeira aeronave certificada a operar com etanol, em 2004, e a colaboração é um pré-requisito essencial para que nossa indústria alcance nossos objetivos ambientais. Estamos muito satisfeitos com a parceria com a Pratt & Whitney para esta tarefa crítica de possibilitar a operação de aeronaves com 100% SAF.

A Pratt & Whitney atua em testes e certificação de SAF há quase duas décadas. Continuaremos estrategicamente a apoiar os testes de voo com 100% SAF para clientes importantes que expandem a aceitação do SAF, incluindo a parceria com a Embraer para testar as aeronaves E-Jets E2 com 100% SAF, como parte de sua meta de emissões líquidas zero para 2050”, disse Graham Webb, Diretor de Sustentabilidade da Pratt & Whitney.

Por meio de nossa busca constante por tecnologias de propulsão de aeronaves mais eficientes, estamos determinados a apoiar nossos clientes a alcançar suas metas de emissões líquidas de CO2 zero até 2050 e garantir que nossos motores estejam prontos para operação com 100% SAF.

O jato Embraer E195-E2, equipado com motores GTF™ da Pratt & Whitney, oferece mais de 24% em melhoria de eficiência de combustível e emissões mais baixas de CO2 por assento do que a geração anterior do E195.

A Pratt & Whitney equipa uma série de outras aeronaves da Embraer, incluindo os jatos executivos das séries Phenom 300 e 100, e a aeronave de transporte militar C-390 Millennium, que usa motores IAE V2500.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


US RU OTAN

US RU OTAN

Última atualização 28 JAN, 16:50

MAIS LIDAS

Embraer