COBERTURA ESPECIAL - Doutrina Militar

20 de Janeiro, 2021 - 10:50 ( Brasília )

Exercícios de manobras táticas contribuem para formação militar dos Aspirantes na “Aspirantex/2021”


Durante os exercícios de manobras táticas no Navio-Aeródromo Multipropósito (NAM) “Atlântico”, os futuros Oficiais organizaram a formatura dos navios participantes da “Aspirantex/2021”. No Centro de Operações de Combate (COC), os Aspirantes assumiram a função dos Oficiais de Superfície: tiveram que ouvir e interpretar os sinais em códigos que indicam a posição dos navios, além de calcular o tempo de manobra e a distância que separam os meios.

O Aspirante Bayma nunca tinha feito nada parecido e vibrou com a experiência. “Foi uma excelente oportunidade de colocar em prática o que aprendemos na sala de aula, de ver efetivamente como acontece a bordo. Achei interessante calcular na Rosa de Manobra o que seria feito e, depois, ver no radar os navios executando os movimentos”, declarou.

No mesmo exercício, outro grupo de Aspirantes acompanhou as manobras do Passadiço do NAM “Atlântico”, de onde observou a formatura e o posicionamento dos navios de acordo com os sinais táticos informados.

Na ocasião, os futuros Oficiais foram orientados pelo Comandante da 2ª Divisão da Esquadra (ComDiv-2), Contra-Almirante Eduardo Augusto Wieland, sobre a saudação entre navios, uma das mais simbólicas tradições navais. Inspirados nos movimentos do Almirante, os Aspirantes prestaram continência à Fragata “União”, quando esta passou ao largo do NAM “Atlântico”.

A Marinha realiza até 5 de fevereiro a “Aspirantex/2021”, na área marítima compreendida entre as regiões Sul e Sudeste do País, sendo visitados os portos de Itajaí (SC) e Santos (SP).

Ao todo, 258 Aspirantes da Escola Naval participam da Comissão para se familiarizar com a rotina e as tarefas características da vida a bordo, a fim de vivenciar na prática os aprendizados que obtiveram nos bancos escolares.

A experiência é fundamental para que os Aspirantes do 2º ano façam a escolha do Corpo (Armada, Fuzileiros Navais e Intendentes da Marinha) e da Habilitação (Sistemas de Armas, Mecânica e Eletrônica) que definirá suas carreiras.


Contra-Almirante Wieland e Aspirante após prestarem continência à Fragata “União”



Outras coberturas especiais


TOA

TOA

Última atualização 08 MAR, 11:45

MAIS LIDAS

Doutrina Militar