02 de Junho, 2021 - 09:00 ( Brasília )

Defesa

Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA) tem novo Chefe

O Tenente-Brigadeiro Botelho, que se despedirá do serviço ativo da Força Aérea Brasileira (FAB), passou o cargo ao General de Exército Laerte de Souza Santos

Tenente Letícia Faria E Tenente-Coronel Rocha

A Cerimônia Militar de transmissão do cargo de Chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA) ocorreu, nessa segunda-feira (31), no Ministério da Defesa, em Brasília (DF). O Tenente-Brigadeiro do Ar Raul Botelho, que foi o primeiro representante da Força Aérea Brasileira (FAB) na chefia do EMCFA, passou o cargo ao General de Exército Laerte de Souza Santos.

Participaram da solenidade as seguintes autoridades:

- Ministro da Defesa, Walter Souza Braga Netto;
- Comandante da Marinha do Brasil, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos;
- Comandante do Exército, General de Exército, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira;
- Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos de Almeida Baptista Junior, além de,
- Oficiais-Generais da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira.

O Ministro da Defesa agradeceu ao trabalho do Tenente-Brigadeiro Botelho, pelo profissionalismo e dedicação e, desejou sucesso ao novo Chefe. "Como constatamos, o EMCFA é um braço operacional do nosso Ministério que está mais colimado com as Forças Singulares no objetivo de evolução da doutrina conjunta para o fortalecimento de nossa capacidade operacional dissuasória.

Brigadeiro Botelho, missão cumprida! 

O Ministério da Defesa e o Brasil agradecem o trabalho desenvolvido. Desejo ao meu prezado amigo, General Laerte, muita sorte para desenvolver e aperfeiçoar os trabalhos do EMCFA, ajudando a manter a contínua projeção da pasta de defesa em âmbito Nacional e Internacional”, destacou o Ministro.

Ao entregar o cargo, o Tenente-Brigadeiro Botelho - que nesta terça-feira (1º de junho) se despedirá do serviço ativo da FAB – destacou que sente-se orgulhoso e honrado por ter feito parte da equipe do Ministério da Defesa. “Com o espírito leve, encerro mais uma etapa na minha carreira, acreditando que não terminei a jornada da minha vida laboral. Estou realizado, pois além de não ter faltado energia para este filho altivo dos ares, semeei em toda minha trajetória honradez, honestidade de propósito, lealdade e dedicação sem limites ao Brasil”, destacou o Oficial-General.

Ao chefe do EMCFA, está incumbida a competência de chefiar a elaboração do planejamento do emprego conjunto das Forças Armadas e assessorar o Ministro da Defesa no planejamento das operações e exercícios conjuntos, como em operações de paz.

Fotos: Suboficial Nery / CECOMSAER





 



ÚLTIMAS

Defesa

MAIS LIDAS