COBERTURA ESPECIAL - Cuidando da Nossa Gente - Naval

04 de Abril, 2022 - 09:50 ( Brasília )

Marinha apoia Defesa Civil Nacional após fortes chuvas ocorridas na Região de Angra dos Reis


A Marinha do Brasil está apoiando a Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil com uma aeronave SH-16. A ação faz parte da Mobilização de Apoio do Ministério da Defesa, em resposta ao desastre ocorrido nos municípios de Angra dos Reis e Paraty, após as fortes chuvas do dia 01 de abril.

As Forças Armadas prestarão apoio logístico para transporte de bombeiros, cães e equipamentos de busca e salvamento, da cidade do Rio de Janeiro com destino à cidade de Angra e demais localidades afetadas, além do deslocamento de equipe do Grupo de Apoio à Desastres.

A aeronave SH-16 pertence ao 1º Esquadrão de Helicópteros Antissubmarino, do Comando da Força Aeronaval, e tem cinco militares compondo sua tripulação. A aeronave também participou da mobilização em apoio à Defesa Civil, no município de Petrópolis (RJ).

Apoio da Marinha em Angra dos Reis e Paraty após as fortes chuvas que atingiram a região



A Marinha do Brasil (MB) transportou hoje (03), por meio de uma aeronave SH-16, o Secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, Coronel Alexandre Lucas Alves, para que fosse verificado a situação dos municípios de Angra dos Reis (RJ) e Paraty (RJ), após as fortes chuvas ocorridas na região, no dia 1o de abril. O Governador do Estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, também esteve na cidade.

A ação faz parte da mobilização do Ministério da Defesa para prestar apoio logístico na região do litoral sul do Estado do Rio de Janeiro. “Quero agradecer muito ao trabalho da Marinha do Brasil. Temos muito orgulho de sermos parceiros e de sabermos que todos nós somos Defesa Civil. A colaboração de vocês é muito importante”, afirmou o Secretário logo após pousar no Colégio Naval, em Angra dos Reis.

Além do apoio aéreo, a MB está atuando com embarcações e militares da Delegacia da Capitania dos Portos em Angra dos Reis e da Agência da Capitania dos Portos em Paraty (RJ). Militares das duas Organizações Militares atuam em apoio às equipes da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros e da Polícia Rodoviária Federal.

"Estamos desde o dia primeiro de abril atuando em apoio à população de Angra dos Reis e região para tentar amenizar o sofrimento e auxiliar as equipes de buscas e apoio", afirmou o Delegado da Capitania dos Portos em Angra dos Reis, Capitão de Corveta Diego Faria. Em Paraty, o Agente da Capitania dos Portos, Capitão-Tenente Arnaldo Amirato Dias, afirmou que está atuando diretamente junto com a Prefeitura da cidade, compondo o Gabinete de Crise criado, e que está participando diretamente do planejamento das ações de apoio.

"Nossas embarcações e militares estão à disposição da Prefeitura e da Defesa Civil local e nacional. Em situações como essa que estamos vivendo aqui temos que dar todo o apoio necessário para amenizar o sofrimento da população local". Em entrevista concedida à Imprensa, o Prefeito de Paraty, Luciano de Oliveira Vidal, afirmou que a situação na cidade está muito complicada e que todo apoio é importante.

Ele também afirmou que a nota da Marinha alertando sobre a frente fria foi muito importante para amenizar os estragos. "Havíamos sido alertados pelo sistema da Marinha sobre as fortes chuvas que poderiam ocorrer. Foi uma tromba d´água que caiu e afetou diversas regiões da cidade. Imediatamente, alertamos a população sobre o risco iminente. Montamos uma operação para desobstruir as vias e resgatar famílias que estavam desalojadas ou tiveram vítimas fatais por causa de deslizamentos de terra".

No dia 1º, a Marinha emitiu nota alertando sobre a passagem de uma frente fria que poderia provocar ressaca, com ondas de direção Sudoeste a Sudeste, com altura de até 2,5 metros, na faixa litorânea entre os estados de São Paulo, ao norte de Ilhabela, e do Rio de Janeiro, ao sul de Arraial do Cabo, da manhã do dia 02 à noite do dia 03 de abril.

A Marinha do Brasil mantém todos os avisos de mau tempo em vigor no endereço eletrônico. Adicionalmente, as informações meteorológicas podem ser visualizadas na página do Serviço Meteorológico Marinho no Facebook, no link, e por meio do aplicativo "Boletim ao Mar", disponível para download na internet, tanto para o sistema Android quanto para iOS, desenvolvido em parceria entre a Marinha do Brasil e o RUMAR - Instituto Rumo ao Mar.


No Rio, Forças Armadas apoiam Defesa Civil com transporte de bombeiros¹


 

O Ministério da Defesa, por intermédio das Forças Armadas, mobiliza-se nas ações de apoio à Defesa Civil na região de Angra dos Reis, Rio de Janeiro, desde ontem (02). A operação integra esforço do governo federal em resposta às fortes chuvas que atingiram os municípios fluminenses de Angra dos Reis e de Paraty.

Na manhã deste domingo (03), chegou ao município um helicóptero H-36 da Força Aérea, com 15 integrantes do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro. No mesmo período, outro helicóptero SH-16 da Marinha pousou no Colégio Naval, em Angra dos Reis, transportando o Secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, Coronel Alexandre Lucas Alves.

O Ministério da Defesa recebeu requisição da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (SEDEC), do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), para apoiar com aeronaves o deslocamento de equipes de resgate, conforme previsto em protocolo, sobre apoio à Defesa Civil.

Cooperação em desastres

Em março deste ano, as Forças Armadas também apoiaram a Defesa Civil, os órgãos federais e municipais, em Petrópolis, região serrana do estado do Rio de Janeiro. Os militares auxiliaram no transporte e na entrega de donativos, na desobstrução de vias públicas, e no atendimento médico pessoas em hospital de campanha.

¹Por Lane Barreto, com informações da Subchefia de Operações e das Forças Armadas


VEJA MAIS