COBERTURA ESPECIAL - Brasil - EUA - Terrestre

26 de Maio, 2022 - 16:16 ( Brasília )

Centro de Avaliações do Exército recebe comitiva dos Estados Unidos da América


O Centro de Avaliações do Exército (CAEx) recebeu, em 24 de maio, a visita de uma comitiva do Comando de Desenvolvimento de Capacidades do Exército dos Estados Unidos (U.S. Army Combat Capabilities Development Command), responsável , naquele país, pela Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) e por avaliar e integrar o futuro ambiente operacional com as ameaças emergentes e tecnologias no sentido de desenvolver e entregar conceitos, requisitos, projetos de forças futuras e soluções de modernização.

O evento, em que foram apresentadas as atividades e processos de Teste e Avaliação (T&A) da Organização Militar, foi conduzido pelo Chefe do CAEx, General de Brigada Alexandre Martins Castilho, e contou com a presença do Chefe de Ensino, Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (EPDI) do Departamento de Ciência e Tecnologia (DCT), General de Divisão Robson Santana de Carvalho, do Chefe do Centro Tecnológico do Exército (CTEx), General de Brigada Armando Morado Ferreira, de integrantes da comitiva norte-americana e de militares do CTEx e do CAEx.



Foi realizada uma apresentação pelo Chefe da Divisão de Avaliação de Material (DAM), Coronel Marcello Menezes Eifler, seguida de visita às instalações, onde foram realizados o tiro do Morteiro 120mm Pesado, com o apoio do Arsenal de Guerra do Rio (AGR), e o tiro do obuseiro 155mm, com o apoio do 11º GAC, além de visita ao Laboratório de Metrologia.

A atividade evidencia a importância do intercâmbio de informações entre o Sistema de Ciência, Tecnologia e Inovação do Exército (SCTIEx) e o principal órgão de P&D da Força Terrestre dos Estados Unidos, no sentido de cooperar com a pesquisa científica, com o desenvolvimento de tecnologias, de soluções de engenharia e análise para definir as prioridades de modernização para o combate, em apoio de fogo e de defesa antiaérea de mísseis e foguetes, viaturas de combate, defesa cibernética e proteção individual do soldado no campo de batalha.


Fonte: CAEx

VEJA MAIS