COBERTURA ESPECIAL - Base Industrial Defesa - Aviação

21 de Setembro, 2021 - 08:50 ( Brasília )

II COMAR participa de reunião com Diretor-Presidente do Porto Digital

Reunião tratou sobre a importância do polo nacional de tecnologia no Recife (PE) e de possíveis parcerias entre a Guarnição e o Parque Tecnológico

Tenente Felipe Bueno E Major Bazilius

O Comandante do Comando Aéreo Nordeste (II COMAR), Brigadeiro do Ar Cesar Faria Guimarães, participou na terça-feira (14) de uma visita institucional à sede do Porto Digital, um dos principais ambientes de inovação do Brasil, com mais de 11.600 colaboradores e 340 empresas.

Na visita, o Comandante do II COMAR foi recebido pelo Diretor-Presidente do Porto Digital, Pierre Lucena, e acompanhado pelo Chefe da Subdivisão de Tecnologia da Informação do Terceiro Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (CINDACTA III), Capitão Engenheiro Hudson Ummem Veloso, pelo Chefe da Divisão de Tecnologia da Informação e Comunicações da Base Aérea de Recife (BARF), Homero Mckinley Falcão Ferreira, e pela consultora jurídica do II COMAR, Carla Rezende.

Localizado no Centro do Recife (PE), o Porto Digital é um parque tecnológico atuando nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e economia criativa (EC). Foi fundado em 2000 com o duplo objetivo de reter profissionais qualificados na cidade e revitalizar o bairro do Recife Antigo.

Até 2019, antes do início da pandemia, existiam no Parque Tecnológico mais de 300 empresas, institutos de pesquisa, incubadoras, aceleradoras e fundos de investimentos, representando um faturamento de R$ 2,3 bilhões e empregando mais de 11 mil pessoas, tornando-o uma referência no ramo da inovação, como explica seu Diretor-Presidente. "Hoje, o Recife tem vantagens de pessoal, negócios e território frente a outros hubs de inovação brasileiros. O Bairro do Recife é todo voltado para o fomento da área de tecnologia, temos a maior quantidade per capita de estudantes de tecnologia do Brasil e existem várias empresas e serviços que funcionam daqui de dentro, e pouca gente sabe. Ninguém imagina que daqui foi feito parte dos sistemas que garantiram a segurança da Olimpíada de Tóquio, da empresa Tempest, reagindo a mais de 200 mil ataques cibernéticos por dia", descreveu Pierre Lucena.

Durante a reunião, o Comandante do II COMAR abordou temas ligados a possíveis parcerias com o Porto Digital na área de formação e capacitação, como parte do Projeto Soldado Cidadão. "O nosso objetivo é que essa formação seja benéfica para a Força Aérea Brasileira, que agrega valor ao seu militar, e para a sociedade, que recebe um profissional formado em uma área carente de mão de obra. Ele pode receber a oportunidade de se aperfeiçoar em uma formação, obter a prática ao lado de profissionais de referência, como os que fazem parte do Porto Digital, e retornar à vida civil com toda essa bagagem capaz de transformar a sua realidade", afirmou o Brigadeiro Cesar.

Fotos: Tenente Felipe Bueno / II COMAR



Outras coberturas especiais


Pandemic War

Pandemic War

Última atualização 22 OUT, 11:11

MAIS LIDAS

Base Industrial Defesa