COBERTURA ESPECIAL - Base Industrial Defesa - Defesa

16 de Março, 2021 - 17:30 ( Brasília )

Thales anuncia nova liderança para América Latina

Nadia González assume a vice-presidência com o objetivo de garantir o crescimento da companhia na região da América Latina

A Thales, líder global em tecnologia e presente no Brasil há mais de 50 anos, anuncia seu novo comando na América Latina. Nadia Gonzalez assume a vice-presidência da empresa na região com a missão de dar continuidade ao crescimento sustentável da companhia, por meio de um portfólio diversificado que atende às necessidades de clientes militares e civis, com foco em soluções que ajudem a tornar nações mais seguras para seus cidadãos.

Primeira mulher a ocupar a posição mais importante da companhia na América Latina, Nadia começa no novo cargo com o desafio de contribuir com a meta global da área de desenvolvimento internacional do Grupo de crescer 10% ao ano, até 2025.

A executiva ocupava, até então, a função de diretora geral da Thales na Bolívia. Durante quase uma década esteve em posições de liderança na Gemalto, empresa de tecnologia adquirida pelo Grupo Thales em 2019.

“A América Latina é estratégica para a Thales, que segue investindo para expansão e desenvolvimento dos negócios local. Temos uma região muito diversa, o que nos permite oferecer serviços e soluções de todas as linhas de negócio, de satélites a submarinos, até produtos de proteção de dados, de acordo com as demandas e necessidades específicas de cada país”, afirma Nádia.

Na América Latina a maior parte dos resultados da Thales está ligada à área de Identidade Digital e Segurança – o que inclui serviços de gestão de identidade e tecnologias de proteção de dados, essenciais, por exemplo, para que as empresas cumpram as exigências da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados -, seguindo pelo mercado de aeroespaço – como a estação de radares de vigilância de Corumbá recentemente entregue pela empresa à FAB (Força Aérea Brasileira), além das áreas de transporte, defesa, aviônicos, comunicações e segurança.

Para Nadia, um dos principais diferenciais da Thales na região é a diversidade de mercados, produtos e serviços. Segundo a executiva, a América Latina é uma das poucas regiões do mundo onde a Thales opera com todas as suas unidades de negócio.

Presença na Região

No Brasil, a Thales tem três unidades industriais, sendo uma em São Bernardo do Campo (SP), focada no desenvolvimento de radares, sonares, aviônicos, sistemas de defesa e entretenimento de bordo; uma em Barueri (SP), para personalização de cartões de pagamento; e outra em Pinhais (PR), voltada para a fabricação de smartcards, como documentos eletrônicos para governos, SIM Cards para operadoras, cartões bancários e máquinas de cartões, entre outras soluções. 

Em breve a Thales finalizará a expansão da fábrica no ABC Paulista para abrigar um centro de reparos de aviônicos e sistemas de controle de voo, que promete encurtar o tempo de espera e custos das companhias aéreas com serviços de reparo e manutenção.

Na América Latina, onde a Thales também já atua a mais de 50 anos, por meio de 19 escritórios e unidades fabris em cinco sub-regiões: México, Brasil, CAC (América Central, Caribe e Venezuela), Cone Sul (Chile, Argentina, Uruguai e Paraguai) e Países Andinos (Colômbia, Peru, Equador e Bolívia). Além das unidades de manufatura no Brasil, tem duas fábricas no México, uma de SIMcards, em Cuernavaca, e outra de produção e personalização de MVP (Produto Viável Mínimo, na sigla em inglês) em Iztapalapa.

Com 2.500 funcionários da região, a Thales tem uma estratégia estruturada para promover a diversidade e a inclusão. Hoje 45% de sua força total de trabalho é de mulheres, e na alta liderança a presença feminina é de 28%. A empresa acredita que a sua diversidade é fonte de riqueza e contribui para a força do negócio. Assim, encoraja o desenvolvimento de talentos globais enquanto continua a capacitar habilidades localmente em suas regiões.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Pacífico

Pacífico

Última atualização 15 SET, 21:27

MAIS LIDAS

Base Industrial Defesa