06 de Dezembro, 2021 - 08:30 ( Brasília )

Aviação

Oficiais-Generais recém-promovidos se apresentam ao Presidente da República

Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica forma 117 novos Oficiais

Oficiais-Generais da Marinha do Brasil e da Força Aérea Brasileira, promovidos no dia 25 de novembro, participaram, nessa sexta-feira (3), da tradicional cerimônia de apresentação ao Presidente da República, realizada no Clube do Exército, em Brasília (DF). Durante a solenidade, cada um dos recém-promovidos se apresentou ao Chefe do Executivo Federal, Jair Bolsonaro.

O evento contou com a presença do Vice-Presidente da República, Hamilton Mourão; do Ministro da Defesa, Walter Souza Braga Netto; do Ministro-Chefe do Gabinete de Segurança Institucional, General Augusto Heleno; dos Comandantes da Marinha, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos; do Exército, General de Exército Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira; e da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos de Almeida Baptista Junior.

Na cerimônia, 21 militares ascenderam ao posto de Oficial-General, dentre eles quatro da FAB: Brigadeiro do Ar Marcos Aurelio Vilela Valença, Brigadeiro do Ar Alexandre Hoffmann, Brigadeiro do Ar Francisco Bento Antunes Neto e Brigadeiro do Ar Daniel Cavalcanti de Mendonça.

É um momento que simboliza um marco muito importante na nossa trajetória profissional, de grande alegria por estar recebendo da Força Aérea esse voto de confiança, obviamente nos atribuindo maiores responsabilidades e novos desafios. É sempre muito motivador e instigante termos essa chance de continuarmos contribuindo para o cumprimento da missão da Instituição”, destacou o Brigadeiro Valença.


Vídeo: Sargento Chagas

Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica forma 117 novos Oficiais

Após muito estudo, abnegação e disciplina, chegou ao fim mais uma jornada para duas turmas do Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica (CIAAR), Organização Militar da Força Aérea Brasileira (FAB), localizada em Lagoa Santa (MG). Os 117 alunos do Curso de Formação de Oficiais Especialistas (CFOE) de 2020 e do Estágio de Adaptação ao Oficialato (EAOF) 2021 tornaram-se, nessa quinta-feira (02), Oficiais da FAB.

A cerimônia foi presidida pelo Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos de Almeida Baptista Junior, e prestigiada por Oficiais-Generais da FAB e Oficiais da Marinha, do Exército, dentre outras autoridades civis. Em seu discurso, o Tenente-Brigadeiro Baptista Junior parabenizou os novos Oficiais e destacou a importância do aperfeiçoamento contínuo do efetivo. 

Continuem estudando e se aperfeiçoando, pois dessa forma garantirão uma jornada virtuosa rumo ao futuro e preguem seus conhecimentos técnicos e aptidões de trabalho para atuarem nos 22 milhões de quilômetros quadrados sob nossa responsabilidade, tornando nossas asas ainda mais fortes”, declarou.

Entregando o Prêmio Força Aérea Brasileira aos primeiros colocados das duas turmas, o Diretor de Ensino da Aeronáutica, Major-Brigadeiro do Ar Sérgio Rodrigues Pereira Bastos Junior, falou sobre meritocracia e determinação. "A gente fica muito feliz em entregar para a Força Aérea Brasileira 117 novos Oficiais, novos líderes. É uma oportunidade que todos têm e a meritocracia é o fator primordial para que as pessoas possam ter a oportunidade de fazer os cursos e lograr seus caminhos como Oficiais e exemplo para o efetivo da FAB", disse. 

Já o Prêmio de Honra ao Mérito do Ministério da Defesa foi entregue pelo Comandante-Geral do Pessoal da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Ricardo Reis Tavares, que destacou o reforço no efetivo da FAB. “Isso é muito importante para dar continuidade, cada vez mais, para as exigências tecnológicas, o preparo adequado nessa escola que é de excelência. Entregamos Oficiais realmente preparados para a Força Aérea”, pontuou.

Tanto esforço e determinação para se superar, pessoal e profissionalmente, fizeram a primeira colocada da Turma Kairos, Tenente Aline Maria Moreno, ser agraciada com a Medalha Eduardo Gomes Aplicação e Estudo. “Estou muito emocionada, mas primeiramente quero dizer que sou grata a Deus e estou honrada de ocupar este lugar. A carreira militar é cheia de desafios e aqui não foi diferente. Tenho certeza que ainda tenho muito o que aprender para contribuir no cumprimento da missão da Força Aérea Brasileira”, disse.

O momento mais marcante, no entanto, aconteceu com a entrega de espadas. O Tenente Ronaldo Figueiredo de Oliveira, da Turma Arcanjo, garantiu que a sensação de receber o símbolo do oficialato nas Forças Armadas foi  mais uma conquista e que seguirá motivado para alçar novos voos. “Não tenho nem palavras para dizer. Entrei como recruta e cheguei ao máximo que poderia alcançar. Sou o militar das oportunidades que a FAB me deu. Agora, neste novo desafio, estou motivado a estudar mais e empenhar mais”, concluiu.

As turmas CFOE e EAOF

A Turma Kairos do CFOE conta com militares dos Quadros de Comunicações, Aviões, Armamento, Controle de Tráfego Aéreo e Meteorologia, que se dedicaram ao curso por dois anos. É destinado aos Sargentos do grupo básico da Força Aérea e com mais de oito anos de formado. Já os militares da Turma Arcanjo do EAOF cumpriram um cronograma intenso de 90 dias para se aperfeiçoarem em 14 especialidades. É exclusivo para o militar que possui graduação de primeiro Sargento ou de Suboficial e só pode ser prestado após 16 anos de serviço.

Inauguração do IEAD

O Comandante da Aeronáutica e o Comandante do CIAAR inauguraram, também nessa quinta-feira (2), o Instituto de Educação à Distância (IEAD). A implantação do IEAD, em Lagoa Santa, Minas Gerais, faz parte do processo de modernização, cuja sistemática proposta viabilizará a ampliação e o fortalecimento da educação no COMAER. Para melhor proveito da instalação cedida, foi criado um estúdio de gravação, para fomentar a produção de quaisquer cursos solicitados que precisem do auxílio de videoaulas no processo de aprendizagem. 

O IEAD conta com infraestrutura que possibilita a utilização de recursos, tecnologias e metodologias tendo em vista a gestão do conhecimento, o aperfeiçoamento e a qualificação de pessoal de acordo com a visão estratégica, as políticas e os procedimentos do COMAER.

Diplomação do CAEM e CCEM

Ainda na quinta-feira (2), o Comandante da Aeronáutica participou, na Universidade da Força Aérea, localizada no Rio de Janeiro (RJ), da cerimônia de diplomação dos 186 Oficiais-Alunos que concluíram o Curso de Altos Estudos Militares (CAEM) 2021 e o Curso de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (CCEM) 2021. Na ocasião, também fizeram parte dos formandos cinco Oficiais estrangeiros, oriundos das Forças Aéreas do Chile, Argentina, República Dominicana, Panamá e Estados Unidos.

O CAEM tem por finalidade proporcionar aos Coronéis - dos Quadros de Aviadores, Engenheiros, Intendentes, Médicos e de Infantaria e que estejam em condições de ascenderem ao generalato – os conhecimentos necessários ao planejamento institucional e à Alta Administração do Comando da Aeronáutica.

Já o CCEM capacita Oficiais Superiores dos Quadros de Aviadores, Intendentes e de Infantaria e dos Quadros de Engenheiros, de especialistas e da Saúde para o exercício de funções de Estado-Maior e para o desempenho de cargos de Comando, Chefia e Direção.

Fotos: Sargento Bianca / CECOMSAER Fotos: Suboficial Nery



Vídeo: Sargento Ronan / CECOMSAER