COBERTURA ESPECIAL - America Latina - Defesa

18 de Dezembro, 2021 - 20:54 ( Brasília )

Mercosul - Declaração Presidencial do Mercosul sobre Cooperação em Defesa


Nota DefesaNet

Uma raríssima menção sobre assuntos de defesa em foro regional da América Latina.

Na reunião do Mercosul, de 17DEZ2021, surgiu o tema "Cooperação em Defesa".

O Itamaraty não emitiu mais nenhuma declaração além desta nota publicada abaixo.

Ver a íntegra da Nota :

MERCOSUL - Comunicado Conjunto dos Presidentes dos Estados Partes do Mercosul e Estados Associados

O Editor



Declaração Presidencial do Mercosul sobre Cooperação em Defesa

 
 
Os Presidentes da República Argentina, Alberto Fernández; da República Federativa do Brasil, Jair Messias Bolsonaro; da República do Paraguai, Mario Abdo Benítez; e da República Oriental do Uruguai, Luis Lacalle Pou, estados partes do MERCOSUL, reunidos mediante videoconferência, em 17 de dezembro de 2021, por ocasião da LIX Cúpula de Presidentes do MERCOSUL
 
RECONHECERAM a paz como pressuposto da estabilidade democrática, da prosperidade econômica e do desenvolvimento social dos países do MERCOSUL.
 
AFIRMARAM a importância da construção da confiança na região por meio do diálogo e da cooperação em temas de defesa e segurança.
 
RECONHECERAM a crescente complexidade dos desafios à paz e segurança internacionais.
 
DESTACARAM a necessidade de manter uma coordenação regular e sublinharam a importância de ações preventivas ao lidar com aqueles desafios.
 
RESSALTARAM a conveniência de dispor de uma base industrial de defesa pujante nos países da região e que a integração entre as cadeias produtivas da indústria de defesa pode contribuir para a prosperidade econômica e desenvolvimento social, como também para a construção de um ambiente de confiança mútua entre os países da região.
 
DESTACARAM que a promoção da autonomia tecnológica e produtiva na área de defesa em âmbito regional, com qualificação do capital humano específico, contribui para a geração de emprego e renda nos países do MERCOSUL.
 
AFIRMARAM o desejo de estimular o intercâmbio comercial e a pesquisa e desenvolvimento em inovação e em tecnologias de defesa entre os países do MERCOSUL.
 
DESTACARAM
o importante papel e a responsabilidade que as forças armadas assumem, de maneira subsidiária às autoridades civis competentes, em situações de desastres naturais em apoio à população civil afetada.
 
AFIRMARAM a importância de realizar exercícios e práticas coordenadas com fins de formação e treinamento, assim como coordenar critérios e incentivar a participação dos estados partes em áreas vinculadas à manutenção da paz.
 
EXPRESSARAM seu desejo de continuar o diálogo sobre o tema e, com esse fim, instruíram o Foro de Consulta e Concertação Política a examinar modalidades e formatos de cooperação.


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Intel

Intel

Última atualização 24 MAI, 18:30

MAIS LIDAS

America Latina