COBERTURA ESPECIAL - Mão Amiga - Defesa

27 de Novembro, 2020 - 10:00 ( Brasília )

Organizações militares são premiadas por atuação no desenvolvimento social


Na quarta-feira (25), organizações militares que se destacaram por suas ações em prol do desenvolvimento social e do desporto militar, no ano de 2020, foram reconhecidas por sua atuação. A homenagem ocorreu durante a entrega do 10º Prêmio Melhor Gestão do Projeto Soldado Cidadão. A cerimônia foi no salão nobre do Ministério da Defesa. No mesmo evento, houve entrega do Prêmio Programa Forças no Esporte (Profesp) - Projeto João do Pulo, do Prêmio Desporto Militar e dos Diplomas de Colaboradores do Projeto Soldado Cidadão (PSC).

A solenidade contou com a presença do Ministro da Defesa, Fernando Azevedo, do Comandante da Marinha, Almirante-de-esquadra Ilques Barbosa Júnior, do Secretário-Geral do Ministério da Defesa, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos, do Chefe de Operações Conjuntas, Almirante de Esquadra Petronio Augusto Siqueira de Aguiar, do Chefe do Estado-Maior da Armada, Almirante de Esquadra Claudio Portugal de Viveiros, do Chefe de Assuntos Estratégicos, General de Exército César Augusto Nardi de Souza,  do Subchefe de Mobilização, General de Brigada Roberth Alexandre Eickoff.

A premiação reconhece aspectos de inovação, emprego de efetivo e atuação dentro dos programas. As organizações militares foram agraciadas com cheque no valor de R$ 100 mil.

O Ministro da Defesa, Fernando Azevedo, parabenizou os contemplados pela atuação de excelência. “São meios de promoção da inclusão social, saúde e prevenção da violência e da marginalidade, utilizando mecanismos de valorização pessoal, cidadania e de preparação para o mercado de trabalho. Congratulo todas as organizações militares vencedoras do prêmio”, destacou Azevedo.

Qualificação profissional

A finalidade do Projeto Soldado Cidadão (PSC) é proporcionar aos militares temporários qualificação profissional a fim de contribuir para seu ingresso no mercado de trabalho ao término do Serviço Militar. Desde sua implantação, em 2004, mais de 251 mil jovens foram diplomados nos cursos oferecidos. As unidades que se destacaram na gestão do programa e receberam o 10º Prêmio Melhor Gestão do Projeto Soldado Cidadão foram: a 7º Região Militar, do Exército; o 6º Distrito Naval, da Marinha, e o Grupamento de Apoio de São Paulo, da Força Aérea.

Na área do Desporto Militar, foram premiadas as Organizações Militares que se destacaram por suas condutas originais e inovadoras, face a suspensão de atividades esportivas em razão da pandemia provocada pelo novo coranavírus. As unidades reconhecidas pela mitigação de impacto no setor esportivo foram, pela Marinha, o Colégio Naval e o Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (CEFAN), pelo Exército, a Escola de Equitação do Exército e o 26º Batalhão de Infantaria Paraquedista e, pela Aeronáutica, Academia da Força Aérea e Escola de Especialistas de Aeronáutica.

Na área Desenvolvimento Civil, no âmbito do PROFESP e do Projeto João do Pulo, destinado às crianças com necessidades especiais, foram contempladas as seguintes organizações: pela Marinha, Escola de Aprendizes Marinheiro de Pernambuco e Base Aérea Naval de São Pedro da Aldeia, pelo Exército, 38º Batalhão de Infantaria e 2º Regimento de Cavalaria Mecanizado e, pela Aeronáutica, a Universidade da Força Aérea e a Base Aérea de Natal. 

O diploma de colaborador foi instituído em 2011, no âmbito do PSC, e é concedido anualmente a personalidades e instituições que mais se destacaram na execução do projeto. Foram contemplados os senhores Wagner da Cruz La Roque, Gutemberg Alves de Santana Júnior e Lucas Rafael de Souza. Todos prestaram serviço temporário às Forças Armadas, participaram dos cursos do Projeto Soldado Cidadão e, atualmente, são empresários consolidados no mercado, nos ramos de serviços em manutenção, gastronomia e segurança patrimonial, respectivamente.

Também foram reconhecidos com o diploma de 2020, o primeiro Coordenador do Projeto Soldado Cidadão no Exército Brasileiro, José Augusto de Melo Neto, o Diretor-Presidente do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (CETAM), Coronel Ricardo Almeida Pinto e a Coordenadora do Projeto Soldado Cidadão/PROFESP e Instrução Militar da Base Aérea de Natal (RN), Tenente Eliana Ferreira de Farias.