COBERTURA ESPECIAL - Vant - Aviação

26 de Junho, 2015 - 10:30 ( Brasília )

IAI Heron - Nova era da RAAF

5FLT completou com sucesso o primeiro treinamento interno com o avião remotamente tripulado Heron

Jamie Abbott, RAAF


A Real Força Aérea Australiana (RAAF) está à beira de uma nova era de aviação após a primeira graduação do curso interno de voo de aeronave remotamente pilotada do 5FLT em Woomera.

Quatro alunos – dois operadores do veículo aéreo e dois operadores de cargas úteis (do Canadá e da Austrália) – estão atualmente qualificados para operar o Sistema Aéreo Remotamente Tripulado (SART) após completarem o Curso de Conversão Operacional do Heron.

O comandante do 5FLT, WGCDR Jonathan McMullan, disse que os alunos usaram o novo currículo criado e produzido pela Força Aérea. Cursos anteriores foram prestados por uma empresa contratada em Israel.

"Ainda que o treinamento foi sempre bom, não tinha a flexibilidade para nos permitir ensinar gerenciamento de riscos de aviação e de recursos da tripulação, e muitos outros dos vários assuntos que a Força Aérea introduz nos seus cursos de treinamento sob um quadro de aeronavegabilidade da Austrália", disse o WGCDR McMullan.

"Assim que o treinamento nunca chegou a um nível com o qual ficamos satisfeitos, pois nos comprometemos a um nível muito elevado. Quando soubemos que a Força Aérea se comprometeu a trazer o Heron de volta do Afeganistão, decidimos criar a nossa capacidade orgânica para assegurar que estava adaptada ao padrão apropriado."

Cinco dos mais experientes operadores do 5FLT voaram a Israel no início deste ano para aprender a ser instrutores. No seu regresso para casa, a FLTLT Janelle Sheridan iniciou o desenvolvimento do curso australiano.

"Tomamos assuntos específicos de operadores do veículo aéreo e de operadores das cargas úteis e os levamos a um modelo global de treinamento de tripulação do Heron, pois acreditamos muito em uma construção de núcleo, onde cada um deve entender a função de todos os outros para quando estejam em missão", disse a FLTLT Sheridan.

"Para nós é muito significativo ser capaz de conduzir o nosso próprio treinamento de SART para a ADF usando a plataforma Heron, e tivemos os insumos dos oficiais de treinamento dos sistemas para assegurar que atenda aos padrões australianos e seja relatável no PMKeyS."

O 5FLT também está pavimentando o caminho para se tornar o centro de excelência da ADF para Inteligência, Vigilância e Reconhecimento (ISR) em seu treinamento terrestre de missões através da formação de oficiais de inteligência, analistas de imagens e outros especialistas em guerra eletrônica para processar, explorar e disseminar informações coletadas pela plataforma Heron.

O oficial de inteligência do 5FLT, SQNLDR Jarrod Foster, disse que serão capazes de o fazer em Woomera usando uma variedade de cenários.

"Tentamos simular uma variedade de cenários de guerra, incluindo cenas que não são de combate, como zonas de desastre e busca e resgate, pois existe uma aplicação mais ampla para ISR do que somente situações de insurgência", ele disse.

"O treinamento que fazemos aqui em Woomera começou como um treinamento de pré-destacamento para o Afeganistão, e agora estamos buscando conjuntos de habilidades mais gerais e uma variedade de cenários diferentes."

Um dos apenas dois únicos instrutores de voo e de  qualificados da Força Aérea com "dois chapéus", para voo e combate em aviões de caça, SQNLDR Phil Parsons, está trabalhando como instrutor no 5FLT. Ele disse que voar o Heron no Afeganistão foi o auge da sua carreira operacional.

"Estamos na iminência de uma tecnologia muito nova na Austrália, e certamente estamos ganhando terreno com muito do que estamos fazendo", disse o SQNLDR Parsons. "Temos que começar a educar as pessoas, incluindo o resto dos militares e a mais ampla comunidade da aviação sobre todo o bom trabalho que este SART pode fazer."

Após a graduação do primeiro curso de SART, o 5FLT continuará a desenvolver e refinar o currículo e se focará em conduzir o próximo em janeiro do ano que vem.

Artigos relacionados:

Austrália - IAI Heron vai estender as suas asas (Link)

IAI Heron - Plataforma com Mútiplos Sensores M-19HD (Link)