COBERTURA ESPECIAL - Vant - Geopolítica

25 de Fevereiro, 2015 - 10:50 ( Brasília )

Drones sobrevoam Paris e põem autoridades em alerta

Ao menos cinco aeronaves não tripuladas são avistadas sobre embaixada americana e pontos turísticos da capital francesa. Policiais buscam, mas não encontram operadores.

Ao menos cinco drones sobrevoaram Paris durante a madrugada de segunda para esta terça-feira (24/02). O primeiro deles teria sido visto planando entre 100 e 300 metros acima da Embaixada dos Estados Unidos, pouco depois da meia-noite (horário local).

A polícia parisiense então seguiu a aeronave não tripulada, que continuou em direção ao museu militar Invalides. O drone, no entanto, foi perdido de vista. Porém, mais tarde, outros quatro drones foram vistos em vários pontos de referência da capital francesa, incluindo a Torre Eiffel, a Place de La Concorde, localizada numa das pontas da avenida Champs-Élysées, e a torre Montparnasse, um dos edifícios mais alto de Paris.

"Pode ser parte de uma ação coordenada", disse uma fonte de segurança que pediu para não ser identificada. "Mas não sabemos mais no momento."

Autoridades de trânsito aéreo foram mobilizadas especificamente para investigar o sobrevoo sobre a embaixada americana, enquanto a polícia tentou por seis horas encontrar os pilotos, porém sem sucesso.

"Fizemos tudo para tentar pegar os operadores, mas eles não foram encontrados", disse uma segunda fonte, que também preferiu ficar no anonimato.

Em outubro do ano passado, um turista israelense de 24 anos passou uma noite na cadeia e foi multado em 400 euros por ter conduzido um drone que sobrevoou a Catedral de Notre Dame.

Já em 20 de janeiro, na semana seguinte aos três dias de atentados jihadistas na capital francesa, uma aeronave não tripulada sobrevoou o palácio presidencial em Paris e colocou a França em estado de alerta máximo. E, no final de janeiro, pequenos drones foram vistos perto de uma baía na Bretanha, um dos locais mais protegidos do país e que abriga quatro submarinos nucleares.