COBERTURA ESPECIAL - TOA - Naval

14 de Fevereiro, 2017 - 10:45 ( Brasília )

Marinha do Brasil presta apoio ao Exército em região de fronteira


O Navio Patrulha Fluvial (NPaFlu) Amapá, da Marinha do Brasil, prestou apoio ao 3º Pelotão Especial de Fronteira (3º PEF), do Exército Brasileiro, em Vila Bittencourt, no município de Japurá, no Amazonas, com ações de assistências médica e odontológica, durante Patrulha Naval (PatNav) e Inspeção Naval (IN) realizadas nos rios Solimões e Japurá.

No dia 18 de janeiro de 2017, o navio fez-se presente à visita do Ministro de Estado da Defesa, Raul Jungmann, àquele Pelotão, acompanhado do Chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, Almirante de Esquadra Ademir Sobrinho, do Comandante Militar da Amazônia, General Geraldo Antonio Miotto, do Comandante da Ala 8 da Força Aérea Brasileira (FAB), Major-Brigadeiro do Ar Waldeísio Ferreira Campos, do Chefe do Estado-Maior do Exército, General Fernando Azevedo e Silva, do Comandante do 9º Distrito Naval, Vice-Almirante Luís Antônio Rodrigues Hecht, dentre outras autoridades, além de jornalistas de diversos órgãos de comunicação.

Em 18 dias de comissão, o Navio navegou 1.492 milhas e alcançou a nascente do Rio Japurá, na divisa entre o Brasil e a Colômbia. Ainda no Japurá, durante as vistorias, foi apresada uma embarcação irregular usada para o transporte de combustível para um garimpo ilegal no Rio Puruê. Juntamente com a embarcação apreendida, foi encontrado e entregue às autoridades policiais de Japurá um revólver calibre 22, munição e pequena quantidade de ouro.

Nesta comissão, as Ações de Inspeção contaram com a presença de dois policiais do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb), da Polícia Militar do Amazonas, com o propósito de garantir o exercício dos direitos de soberania brasileira; controlar as áreas fluviais quanto ao cumprimento da legislação; colaborar com serviços que visem à fiscalização da preservação dos recursos hídricos; contribuir para repressão ao contrabando, ao descaminho e ao comércio ilícito e alcançar os interesses nacionais nas Águas Jurisdicionais do Comando do 9º Distrito Naval (Com9ºDN).

No Rio Solimões, concomitante com ações de Patrulha, o Navio visitou e prestou Assistência Cívico-Social (ACISO), médico e odontológica à comunidade de São José do Ariá, que conta com cerca de 100 habitantes. Durante a visita, foram realizadas palestras sobre a importância do uso do equipamento de salvatagem a bordo das embarcações, higienização bucal e cuidados relacionados à prevenção de parasitoses. Também foram distribuídos os medicamentos prescritos, além de material para higienização bucal. Moradores da comunidade visitaram o Navio e receberam a doação de uma Bandeira Nacional, que foi arvorada na localidade.