COBERTURA ESPECIAL - TOA - Segurança

08 de Agosto, 2011 - 12:45 ( Brasília )

Homens armados invadem embarcação e mantém reféns no Amazonas

Os 150 tripulantes foram obrigados a se deslocarem, semi-nus, ao porão da embarcação. Há pessoas feridas

Notícia do Portal da Amzônia e de O Globo

MANAUS - Seis bandidos invadiram a embarcação Fênix na comunidade Boca do Jacaré, no Rio Solimões, no município de Manacapuru, 68 quilômetros de Manaus, por volta das 22h deste domingo. Cerca de 150 pessoas foram mantidas reféns.

De acordo com informações da Polícia Militar, todos os tripulantes da embarcação foram levados para o porão do barco seminus pelo 'piratas'. Oito pessoas, que notaram a ação dos assaltantes, pularam no rio Solimões. Um dos passageiros conseguiu acionar o Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), na manhã desta segunda-feira.

Após a ligação, lanchas do batalhão fluvial do município de Manacapuru iniciaram as buscas ao barco. Segundo a PM, a embarcação foi localizada no bairro Terra Preta, no município, por volta das 7h de hoje.

Alguns passageiros ficaram feridos com coronhadas e tiveram que ser levadas ao hospital de Manacapuru. Os bandidos roubaram dinheiro, celulares e outrso objetos de valor dos passageiros.

No fim de julho, um ataque de piratas a uma embarcação que viajava de Belém para Anajás, na ilha do Marajó, terminou com uma mulher morta com um tiro na cabeça, nesta sexta-feira. A informação é do Portal ORM . A vítima lutou com um dos assaltantes e foi morta na frente dos outros passageiros.

Segundo a Polícia Militar, era por volta das 4h30 da manhã, quando um grupo de aproximadamente seis homens armados anunciou o assalto dentro da balsa 'Arca da Aliança de Anajás', na localidade de Ponta Negra, às proximidades do município de São Sebastião da Boa Vista.

Ainda segundo a PM, a embarcação tinha pelo menos 500 passageiros. A jovem Rafaela S.C., 20 anos, teria reagido e travado luta corporal com um dos bandidos.

- Ele desferiu um tiro por trás da cabeça dela, que teve morte instantânea - disse o sargento Antonio Mendes, comandante do destacamento da Polícia Militar do município.

Assim que houve o disparo, os bandidos fugiram usando uma 'rabeta', embarcação pequena e veloz, mas segundo a polícia, ainda conseguiram levar alguns pertences de outros passageiros.



Outras coberturas especiais


Brasil - EUA

Brasil - EUA

Última atualização 15 DEZ, 10:45

MAIS LIDAS

TOA