COBERTURA ESPECIAL - TOA - Aviação

18 de Julho, 2015 - 10:30 ( Brasília )

Base Aérea desdobrada na amazônia sedia Operação COLBRA IV

O Destacamento de Aeronáutica de São Gabriel da Cachoeira está localizado próximo à fronteira do Brasil com a Colômbia

VII COMAR

Durante uma semana, o Destacamento de Aeronáutica de São Gabriel da Cachoeira (DASG) foi a sede da Operação COLBRA IV no Brasil, que envolveu a Força Aérea Brasileira (FAB) e a Força Aérea Colombiana. A Base Aérea desdobrada recebeu, entre os dias 13 e 17 de julho, pousos e decolagens de aeronaves dos dois países. Com a função de apoiar aviões vindos de diferentes partes do Brasil, a base deu suporte a cinco unidades aéreas envolvidas no exercício operacional.

Localizada próximo à fronteira do Brasil com a Colômbia, essa organização militar da FAB tem função estratégica para defesa e logística. A região onde está situada é extensa, possui vegetação densa e baixa densidade demográfica. O local também tem papel fundamental na luta contra o narcotráfico, existente na fronteira dos dois países.

Quando recebe missões como a COLBRA IV, o DASG muda sua rotina de trabalho. De acordo com o Comandante do Destacamento, Tenente Valmir Gonzaga Ferreira, as atividades diárias são intensificadas. “Aumentamos a quantidade de refeições e de vistoria nas pistas, em função da ampliação da movimentação de aeronaves. Nós também fornecemos suporte médico e de alojamentos”, disse.

Os Esquadrões Arara (1°/9° GAV), Cobra (7°ETA), Escorpião (1°/3° GAV), Guardião (2°/6° GAV) e Harpia (7°/8° GAV) foram apoiados pelo DASG durante essa operação.



Outras coberturas especiais


Crise

Crise

Última atualização 20 NOV, 12:35

MAIS LIDAS

TOA