25 de Outubro, 2012 - 12:15 ( Brasília )

Terrestre

Artilharia Divisionária da 5ª Divisão de Exército realizou a Operação Tupi


No período de 14 a 19 de outubro, a Artilharia Divisionária da 5ª Divisão de Exército (AD/5) realizou a Operação Tupi, exercício de adestramento da Artilharia Divisionária Marechal Setembrino de Carvalho.

Durante o Exercício no Terreno foi realizado o planejamento de fogos da 5ª DE, no quadro tático de uma marcha para o combate, seguida de um ataque coordenado e aproveitamento do êxito. O coroamento da Operação ocorreu no Campo de Instrução Marechal Hermes, onde foi realizado o tiro real do material orgânico dos Grupos de Artilharia de Campanha e do armamento coletivo da 5ª DE.

Foram realizados tiros com o seguinte material: obuseiro 105 mm M 108 autopropulsado, do 5º Grupo de Artilharia de Campanha Autopropulsado; obuseiro 105 mm M101 autorebocado, do 28º Grupo de Artilharia de Campanha; obuseiro 105 mm L 118 – Light Gun autorebocado, do 26º Grupo de Artilharia de Campanha, obuseiro 155 mm M109 A3 autopropulsado, do 15º Grupo de Artilharia de Campanha Autopropulsado; metralhadora .50 Browning M2; morteiro pesado 120 mm M2 raiado e viatura blindada Cascavel.

O evento foi prestigiado pelo Comandante da 5ª Região Militar e 5ª Divisão de Exército, General de Divisão Williams José Soares, pelo Comandante da 5ª Brigada de Cavalaria Blindada, General de Brigada José Luiz Dias Freitas, pelo Comandante da 14ª Brigada de Infantaria Motorizada, General de Brigada Décio dos Santos Brasil, pelo Comandante da 15ª Brigada de Infantaria Motorizada, General de Brigada Laerte de Souza Santos, e pelo Comandante da Artilharia Divisionária da 5ª DE, General de Brigada Walter Nilton Pina Stoffel.